Depois de congelar pelos próximos 20 anos os investimentos reais em educação e acabar com a CLT por meio da aprovação do projeto de terceirização geral e irrestrita no País, o governo Michel Temer quer, agora, cobrar mensalidades em Universidades e Institutos Federais.

A cobrança foi defendida com veemência pela secretária-executiva do Ministério da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro, em reunião com dirigentes da Federação do Sindicato de Professores e Professoras de Instituições Federais de Ensino Superior e de Ensino Básico Técnico e Tecnológico (Proifes-Federação), no mês passado em Brasília (DF). As informações estão na página da própria Federação.
“Eu sou de universidade, defendo a educação pública, mas acho que temos de olhar para a situação real. Não podemos criar situações incompatíveis com o mundo que estamos vivendo, de queda de receita, de mudança no paradigma da economia do país. Nós só aumentamos em folha de pagamento”, afirmou Maria Helena durante a reunião. Logo depois, a secretária citou as realidades do ensino superior em Portugal, Inglaterra, França e Alemanha. “Aliás, nem sei ainda que países têm universidades públicas plenamente gratuitas para todos, independente da situação sócio-econômica. O Brasil não pode ficar fora do mundo real”, disse.

Para o ex-ministro da Educação do governo Dilma Rousseff Aloizio Mercadante, a proposta de cobrança de mensalidades nas Universidades e nos Institutos Federais é um retrocesso sem precedentes e vai aumentar a exclusão na educação superior. “Esse processo faz parte do golpe que realiza uma ofensiva contra todos os avanços sociais que tivemos na última década, que foram os maiores da história recente do Brasil”, afirmou.

Mercadante disse que na realidade brasileira, em que o ensino superior é predominantemente privado, o grande problema para a inclusão e para a permanência dos mais pobres nas universidades é a renda. “Para enfrentarmos a questão da renda, implementamos programas fundamentais, como o ProUni, o Fies e a política de cotas, e avançamos de maneira sem precedentes no resgate de um passado de exclusão social na educação”, disse o ex-ministro.
Segundo Mercadante, “a educação brasileira é retardatária, resultado de um capitalismo tardio, marcado por quase quatro séculos de escravidão e por um passado colonial, que deixaram cicatrizes profundas em nossa história”.

O ex-ministro recordou que a Universidade de Bolonha foi fundada em 1088, a de Paris 1170, a de Cambridge em 1290, a de Salamanca em 1218, a de Coimbra em 1290 e nas Américas, Harvard em 1636. “No Brasil, a primeira universidade data de 1920, quando todos os países da América Latina já possuíam uma ou mais universidades”, afirmou. “Estão propondo um atraso inaceitável para a educação brasileira. A universidade é educação, pesquisa, inovação e extensão”, finaliza.
FHC
A necessidade de cobrança de mensalidade nas universidades federais foi fortemente defendida pelos governos Fernando Henrique Cardoso (PSDB), de 1995 a 2002, período em que Maria Helena ocupou a presidência do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e a mesma secretaria executiva do MEC.
O assunto ficou fora da pauta nacional por 13 anos, durante os governos do PT, momento em que as Universidades e Institutos Federais, em razão do PROUNI, experimentaram o maior crescimento da história.

Fonte/ Plantão Brasil


Manifestantes bloqueiam acesso ao Centro de Lançamento de Alcântara (Foto: Divulgação)

Reclamação maior é por conta de comunidades quilombolas que podem ser atingidas com a possível ampliação do programa espacial.


Por G1 Maranhão, Alcântara, MA

 

Manifestantes bloqueiam acesso ao Centro de Lançamento de Alcântara (Foto: Divulgação)

Mais de 300 manifestantes bloqueiam o acesso ao Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), distante 18 km de São Luís. A reclamação maior é por conta de 200 comunidades quilombolas, que segundo os manifestantes, podem ser atingidas com a possível ampliação do programa espacial por meio de uma parceria entre os governos brasileiro e norte-americano. O grupo de manifestantes reúne representantes de diversos segmentos do país.

Aguarde mais informações.


A articulação e o anúncio da missão inédita no estado do Maranhão, foi feita pelo Diretor Superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins durante a V Feira de Ovinos e Caprinos de Bequimão.

A V Feira de Ovinos e Caprinos, que aconteceu no município de Bequimão no último fim de semana, é um evento preparatório para a Expocapril, exposição de caprinos que acontece todos os anos no mês de novembro e já se tornou uma data tradicional no calendário de eventos da região.

Criadores da região da Baixada e Litoral Ocidental aproveitaram a feira para comercializar seus animais e expor o potencial da caprinocultura na região. Criadores levaram para o parque de exposição animais de diversas raças, com procedência garantida e que atendem a todas as exigências da Agencia Estadual de Defesa Agropecuária (Aged-MA).

A novidade do evento esse ano foi o anúncio, para os criadores da região, da realização de uma missão técnica prevista para acontecer no mês de setembro e que irá levar os empreendedores do campo que atuam no segmento, para conhecer a Embrapa, o maior centro de excelência em caprinos e ovinos do Brasil, que fica em Sobral – CE.

A articulação e o anúncio da missão inédita no estado do Maranhão, foi feito pelo Diretor Superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins e teve a aprovação dos criadores que já vivem a expectativa da capacitação que irá contribuir para a evolução dos negócios de cada um.

“Essa missão irá proporcionar conhecimento através do intercâmbio que será feito entre os estados no que desrespeito a manejo nutricional, manejo produtivo e principalmente a comercialização e o fortalecimento do mercado de ovinos e caprinos que eles trarão para cá e aqui poderão aplicar e compartilhar o conhecimento com outros criadores. Acreditamos que essa missão irá contribuir de maneira exponencial para o desenvolvimento da caprinocultura nessa região”, garantiu Martins.

Para o prefeito de Bequimão, José Martins, somente através das parcerias será possível ampliar e capacitar o segmento de ovinos e caprinos na região.

“O apoio que esses criadores vem recebendo do Sebrae é muito importante para a evolução da caprinocultura na nossa região e nós viemos aqui hoje também como apoiadores desse evento e da feira Expocapril que acontece em Novembro, para prestigiar e colocar mais uma vez a prefeitura de Bequimão a disposição dos criadores e criadoras para juntos, com parceria, construir feiras e exposições cada vez maiores e melhores em nosso município”, disse o prefeito.

O criador e presidente da Associação dos Criadores e Criadoras de Ovinos e Caprinos de Bequimão (ACCOCBEQ), Leônidas Viegas Almeida, destacou a importância da feira para garantir a evolução da exposição em novembro e o apoio que os criadores vem recebendo através do Sebrae.

“Isso aqui é apenas uma pequena mostra do que se pretende fazer para novembro, lá nós teremos um projeto bem mais audacioso, com diversos criadores de fora onde iremos dar um dinamismo maior ao trabalho mantendo o crescimento da nossa exposição e o Sebrae tem um papel fundamental nesse processo. Desde quando nós conhecemos a instituição e passamos a receber esse apoio, a nossa evolução tem sido significativa por isso eu costumo dizer que o Sebrae é fundamental para todos os criadores de ovinos e caprinos da região”

EMBRAPA CAPRINOS E OVINOS

Criada em junho de 1975, a Embrapa Caprinos e Ovinos é uma das 47 unidades descentralizadas da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa e tem a missão de viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação para a sustentabilidade da caprinocultura e da ovinocultura em benefício da sociedade. Localizada em Sobral (CE), a unidade da Embrapa conta com uma base física, equipada com laboratórios para pesquisas que integram o Núcleo de Biotecnologia de Sobral (Nubis), que reúne ainda os laboratórios da Universidade Federal do Ceará, os da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) e os do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará situados na cidade.-
Lucas Santos
Unidade de Marketing e Comunicação
Regional do SEBRAE em Pinheiro – Ma
Contatos: (98) 98177-0022 / (99) 98132-4707
Sebrae – Pinheiro-MA (98) 3381-2711 / 3381-3843


 Resultado de imagem para Fotos de Luciano Genesio
Após alguns questionamentos em relação ao pagamento do décimo da educação, a redação do blog entrou em contato com o Prefeito João Luciano, onde o mesmo esclareceu que já está tomando as devidas providências para solucionar o problema. Algumas matérias mostram o bloqueio de R$2.069.371,23 do FUNDEB do município de Pinheiro, dinheiro esse que serviria para pagamentos do décimo terceiro. O prefeito informa que na semana passada esteve no Distrito Federal, na CNM – Confederação Nacional dos Municípios. E afirma que o desbloqueio está previsto para semana que vem. Além disso, o Prefeito já entrou judicialmente requerendo o desbloqueio.
Enfatiza ainda que essa situação não está acontecendo somente no município de Pinheiro e sim em todo o Estado, onde todas as prefeituras do Maranhão tiveram seus recursos bloqueados e informou também que uma nota será emitida pelo Secretário de Administração do Município para mais esclarecimentos.
O governo federal descumpriu acordo firmado com a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) e a bancada maranhense em Brasília e publicou, na quinta-feira (6), portaria nº 823/2017 que autoriza o desconto de R$ 177 milhões das contas das prefeituras do estado referente ao ajuste anual do Fundeb de 2016.
A medida também atinge o governo estadual, que será penalizado com a perda de R$ 47 milhões. A lista contendo os nomes dos municípios e suas perdas está disponível no www.famem.org.br
Em abril, o presidente da entidade municipalista, prefeito Cleomar Tema (Tuntum), protagonizou uma grande articulação em Brasília que resultou na garantia, por parte do governo federal, da edição de uma medida provisória que parcelaria o pagamento dos recursos referentes ao ajuste do Fundeb.
É importante destacar que a entidade municipalista prestou toda a assessoria jurídica necessária para que o governo do estado ingressasse, esta semana, com uma ação na Justiça Federal em Brasília visando reverter os efeitos da portaria baixada pela União.
Caso a decisão não seja modificada e o entendimento do governo federal prevaleça, um verdadeiro caos financeiro irá instalar-se nas prefeituras maranhenses, penalizando diretamente todos os agentes inseridos no contexto do setor da educação.

Nosso Portal de Notícias recebeu a informação de uma onda de assaltos a motocicletas que aconteceram neste domingo (23), na cidade de Mirinzal.

Segundo informações, muitos assaltos tem acontecido com muita frequência na cidade, dizem os moradores. Em um dos casos, uma moto foi roubada na porta da residência do cidadão.

Há alguns dias que um jovem foi alvejado com um tiro numa tentativa de assaltantes roubarem sua motocicleta que, segundo os médicos, graças a Deus está em estado estável.

Ainda não há pistas dos ladrões que estão comandando essa onda de assaltos na cidade. E a situação não parece que vai melhorar, já que a polícia militar já está até saindo da cidade, em parte.


O Conselho Municipal de Assistência Social, em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social realiza no dia 26 de julho a 11ª Conferência Municipal de Assistência Social em São Vicente Ferrer. O evento terá como tema “A Garantia de Direitos no Fortalecimento do Sistema Único de Assistência Social (SUAS)”.

A Conferência abrirá espaço para o debate e a avaliação da política de assistência social e a proposição de novas diretrizes sobre os direitos socioassistenciais dos usuários. Além disso, permitirá participação social mais representativa das diferentes organizações da sociedade civil que representam usuários, trabalhadores e entidades de assistência social. Será um momento de discussão e avaliação das ações governamentais e também para a escolha de prioridades.

Na ocasião serão escolhidos delegados, sendo representantes do governo e outras pessoas da sociedade civil. Estes delegados representarão a cidade de São Vicente Ferrer na Conferência Estadual de Assistência Social, que ocorre em novembro em São Luis. Em conversa com o blog, a prefeita Conceição convidou todos para participarem da assistência.

Folha de SJB/  |


 

 

Prefeito Luciano Genésio

Prefeito Luciano Genésio

No comando de Pinheiro há quase sete meses, a administração do prefeito Luciano Genésio tem agradado bastante a população.

De acordo com dados divulgados pela pesquisa do Instituo Perfil, Luciano alcançou expressivos 87% de aprovação.

Apenas 5,5% desaprovaram a gestão, enquanto 7,3% não souberam ou não quiseram responder.

A pesquisa também realizou levantamento entre os conceitos ótimo a péssimo da administração do presidente estadual do Avante.

Nesse quesito, os números voltaram a comprovar a boa aceitação de Luciano.

Entre os entrevistados, 58,2% consideram a gestão ótima. 10,9% disseram ser boa e 7,3% regular.

O Instituto Perfil realizou a pesquisa de campo entre os dias 14 e 16 de julho. A margem de erro foi de 4,5% para mais ou para menos. O intervalo de confiança do levantamento é de 95%.

Abaixo os dados:

 

Por Luís Pablo


Wallacy Jamerson Silva Teixeira vulgo “Joelho”, assim era conhecido um dos bandidos mais perigosos da região da Baixada. 
De acordo com informações repassadas por policiais que atenderam a ocorrência registrada na tarde desta sexta-feira (21), Wallacy teria assaltado um profissional que atua como cobrador de uma granja, na rua São Raimundo.

O homem tinha várias passagens pela polícia pelos crimes de homicídio, tráfico de drogas e assalto a uma agência dos Correios.

Fonte/ Acidadedeverdade.
Convém ressaltar que Wallacy era Pinheirense, e ex-craque da Escolinha de futebol Craques do Futuro de Pinheiro-Ma.

Secretaria de Meio Ambiente de Ribamar não encontrou explicação na primeira avaliação.

Centenas de peixes mortos em São José de Ribamar (Foto: Divulgação / Semam)Centenas de peixes mortos em São José de Ribamar (Foto: Divulgação / Semam)

Centenas de peixes mortos em São José de Ribamar (Foto: Divulgação / Semam)

Centenas de peixes apareceram mortas no Porto do Vieira, em São José de Ribamar, nesta quinta-feira (20), e até o momento as autoridades não tem explicação para o fato. A Secretaria Municipal do Ambiente (Semam) pediu apoio para equipes técnicas do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema). Ribamar faz parte da Região Metropolitana de São Luís.

Uma equipe da Semam informou que fez amplo levantamento na área do igarapé e descartou “a possibilidade de pesca clandestina com utilização de rede ou mesmo tapagem em pontos do igarapé, que pudesse ocasionar a morte dos peixes”.

O secretário de Meio Ambiente de Ribamar, Nelson Weber, esteve no local e se manifestou sobre o caso.

“Estivemos percorrendo o igarapé para fiscalizar e levantar as causas para tamanha mortandade. Descartada essa possibilidade, agora vamos tentar descobrir se a causa foi natural ou se algum tipo de oxigenação”, disse o secretário.

G1 Maranhão, São José de Ribamar, MA


A Polícia Civil da cidade de Timon, conseguiu identificar e prender na tarde desta terça-feira (18), Ana Núbia Almeida da Silva, suspeita de ter jogado o corpo de uma criança recém-nascida em um ponto de coleta de lixo daquela cidade, horas antes de sua prisão.

Segundo a polícia, o corpo da criança foi encontrado por funcionários da limpeza, que após sentirem um odor foram do comum, descobriram um cadáver de uma criança dentro de alguns sacos plásticos. De imediato a polícia foi acionada para apurar o fato, e posteriormente as testemunhas foram ouvidas no intuito de identificar onde o saco teria sido recolhido.

A provável causa da morte teria sido causada por asfixia, o que se caracteriza como crime de infanticídio, além da ocultação do cadáver, isso por que laudos preliminares acreditam que o corpo da criança estaria escondido desde do último sábado (15) onde foi feito um procedimento de curetagem, em Ana Núbia. As investigações apontaram que logo após procedimentos clínicos periciais realizados na suspeita, a criança teria nascido com vida. A mulher foi apresentada a Central de Flagrantes para os procedimentos legais, ficando presa até um parecer do Poder Judiciário.

  Anselmo Oliveira – ASCOM/SSP


%d blogueiros gostam disto: