Foto: Divulgação

Laurindo Paz foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável na Deapca

O agricultor Laurindo Paz, 53, foi espancado por populares e entregue para policiais militares da 10ª Cicom, depois de ser flagrado estuprando uma menina de 6 anos de idade e sua irmã de 1 ano e 8 meses.

Os dois crimes aconteceram no começo da noite da última quarta-feira, 5, na casa das vítimas localizada na Rua Violeta Areosa, bairro da Avorada 2, Zona Centro-Oeste de Manaus.

O agricutor colocou o órgão genital para fora da braguilha da calça e estava estuprando as crianças quando uma vizinha deu o alarme.

O estupro acontecia no quintal e os pais das crianças estavam na parte da frente da casa quando foram avisados pela testemunha me correram para o local.

Nesse momento, Laurindo largou as crianças e saiu correndo mas foi perseguido e,  depois de ser alcançado, foi espancado pelo pai das meninas e por um grupo de moradores.

A mulher que flagrou o agricultor disse que ele se esfregava na criança de 1 ano e 8 meses e segurava na mão de sua irmã mandando ela pegar em seu órgão genital.

 

Delegada Joyce Coelho autuou em flagrante mais um acusado de estupro (Foto: Divulgação)

O agricultor foi agredido pelos moradores da rua e foi apresentado posteriormente pelos policiais militares na Delegacia Especializada em Apoio e Proteção à Criança e ao Adolescente (Deapca).

Os pais da criança,  que não tiveram os nomes divulgados, relataram para a delegada titular Joyce Coelho que Laurindo era um vizinho de inteira confiança e que estava sempre indo à sua casa visitar as crianças.

A delegada informou que conversou com a criança de 6 anos e, apesar da pouca idade, ela confirmou que o agricultor sempre tocava em suas partes íntimas e se esfregava nela quando ia visitá-la em sua casa.

O agricultor se defendeu em seu interrogatório dizendo que só estava beijando as duas crianças, sem nenhuma maldade e que sempre foi carinhoso com elas quando ía visitá-las na casa de seus pais.

A vizinha do casal sustentou a acusação, e como a criança mais velha das irmãs confirmou os abusos sexuais à delegada Joyce Coelho, Laurindo da Paz foi autuado em flagrante delito por estupro de vulnerável.

Com informações: Portal do Zacarias