Auditores da Controladoria-Geral da União (CGU) identificaram que empresários recebiam salários por meio da folha de pagamento do Fundeb de Pinheiro.

A relação é do período de 2015 a 2016, época em que a Prefeitura era comandada por Filuca Mendes.

De acordo com o relatório obtido pelo Blog , foram incluídos nas folhas de pagamento pessoas sem a devida comprovação que estavam atuando exclusivamente na educação básica, além disso, há evidências de que os nomes relacionados abaixo são proprietários e/ou sócios gerentes de empresas; que não foram declarados na base de dados da RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), do Ministério do Trabalho e ainda estão inscritos em Programas Sociais do Governo Federal, como o Bolsa Família e Registro Geral da Pesca.

De um total de 40 profissionais, 23 foram incluídos nas Folhas de Pagamento do Fundeb de forma irregular.

Com informações: Blog do Neto Ferreira


A prefeita de São Vicente Ferrer, Conceição Castro, assinará  ordem de serviço para a construção de  poços artesianos nesta quinta-feira, 11 de janeiro/2018

Prefeita ao lado governador Flávio Dino e de Marcelo Tavares

A construção dos poços atenderá tanto a sede como a zona rural de São Vicente Ferrer e serão perfurados em Ponta de Paulo, Santa Rosa, Rita de Cassia, Angelim,  Casa Grande e Tapuia. Na oportunidade, Marcelo Tavares também deve anunciar o início de outras obras no município, via Governo do Estado.

O evento acontecerá na próxima quinta-feira, 11 de janeiro, (AMANHÃ) a partir das 10 horas da manhã, na escola ‘Tia Ducarmo’, no bairro Rita de Cássia. A prefeita, Conceição Castro, convida todos os vicentinos para este momento de assinatura e início das obras que atenderão milhares de pessoas na cidade.

As obras de perfuração dos poços atingirão a profundidade de 300 metros e ficarão sob a responsabilidade da CAEMA que executará os serviços.  As maquinas chegarão em São Vicente Ferrer nesta quarta-feira 10/01.

Com informações: Portal do Baixadeiro.


Durante o período de março a dezembro de 2016 a Prefeitura de Pinheiro, comanda pelo então gestor Filuca Mendes, desviou verbas do Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar – PNATE, segundo apurou a auditoria da Controladoria-Geral da União (CGU).

O relatório obtido , revela que, por meio do Pregão Presencial nº 041/2016, a Administração Municipal contratou a empresa Raimundo N. de Oliveira Transportes –
ME para fornecimento de passagens especiais para transporte coletivo (Passe escolar).

O valor global do contrato, assinado em 31 de março de 2016, com vigência até 31 de dezembro de 2016, era de R$ 490 mil, considerando a aquisição 250.000 passes escolares ao preço unitário de R$ 1,96.

A auditoria constatou que a Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, pagou à empresa somente o total de R$ 473.796,68.

Além disso, não existiam controle da aquisição e distribuição dos passes aos alunos, bem como a relação dos nomes e o itinerário utilizado, ou qualquer tipo de documentação que comprove que os estudantes residiam em área rural.

“Diante do exposto, na ausência de comprovação da distribuição de passes escolares para os alunos residentes em área rural e da existência de oferta de serviço regular de transporte coletivo de passageiros para os povoados, fica caracterizado desvio de finalidade na aplicação desses recursos”, ressaltou a CGU.

Com informações : Blog Neto Fereira


A Polícia Militar por meio do 6º Batalhão no comando do major Marcelo, na última segunda-feira (08), por volta das 16h40 localizou a menor desaparecida no mês de novembro de 2017.

O grupo de serviço avançado do 6º Batalhão recebeu determinação do coronel Aritanã, comandante do CPAM 2, para localizar a menor que havia sido aliciada por seu namorado criminoso Jefferson Raimundo Vaz Correa. Iniciando os levantamentos de inteligência e mantendo contato com colaboradores, recebeu-se a informação de que o casal havia fugido de um cerco policial na cidade de Santa Helena, após Jefferson ter roubado uma motocicleta. Na fuga deixaram para trás diversos objetos, entre eles um cartão de memória contendo imagens de Jefferson portando uma pistola calibre .40 mm pertencente à Polícia Militar do Maranhão e que havia sido subtraída pelo mesmo.

Após ampla divulgação das imagens dos envolvidos através das redes sociais, na tarde de hoje (08), o serviço de inteligência do 6º Batalhão recebeu ligação de um colaborador informando ter avistado uma jovem muito parecida com a menor em busca na região da Santa Bárbara. De imediato deslocamos para o bairro e procedemos diversas incursões, até o momento em que foi possível avistar a adolescente transitando em via pública. A mesma foi abordada de imediato e conduzida para a delegacia da Cidade Operária, onde fizemos contato com sua família e em seguida apresentada para o delegado de plantão para os procedimentos cabíveis.

Paralela a apresentação da menor, a guarnição da viatura da raposa havia prendido Jefferson no mesmo momento, em companhia de dois outros elementos na região da praia do Aracagi, com drogas. Ao ser questionado sobre a arma da Polícia Militar que estava em seu poder, este relatou que havia vendido a mesma para um elemento no município de Santa Helena. Informação que coincidia com o relatado pela menor para o GSA.

De imediato o serviço de inteligência manteve contato com o soldado Froes da guarnição do município de Santa Helena e repassou todas as informações obtidas, e este acionou as guarnições de serviço que deslocaram até o povoado Bom Viver e efetuaram a recuperação da pistola pertencente a Polícia Militar do Maranhão.

Por: Carla Andrade/Ascom-SSP


A polícia prendeu três homens que invadiram uma funerária e assaltaram todas as pessoas que participavam do velório de uma idosa.

O assalto aconteceu no final da tarde deste domingo no bairro da Cidade Nova, primeira etapa, Zona Norte de Manaus.

Os assaltantes Carlos Portelgar Souza Reis, 27, Gilson de Carvalho SAraiva, 23, e Jefferson Guimarães Reis, 21, foram presos cerca de duas horas depois por uma guarnição da 14ª Companhia Interativa Comunitária.

Eles caíram em uma blitz de trânsito que estava sendo realizada nas imediações do local do assalto.

 

Jefferson chamou os dois homens

para fazer o assalto (Foto: Divulgação)

Jefferson Guimarães trabalhou na funerária durante algum tempo e foi ele quem convidou Carlos e Gilson para realizar o assalto.

 

As vítimas tiveram que entregar dinheiro, jóias e telefones celulares. Os criminosos usavam armas de fogo de brinquedo e uma faca.

Os três homens foram apresentados no 14º Distrito integrado de Polícia (DIP) e autuados em flagrante por crime de roubo majorado.


Atual prefeita está pagando milhões em dívidas deixadas pela ex-prefeita de São Vicente

A prefeita de São Vicente Ferrer, Conceição Castro, rebateu as acusações do Ministério Público Estadual, que ingressou com uma Ação Civil Pública pedindo a sua condenação por não pagar funcionários da Prefeitura Municipal. Na ação, a promotora Alessandra Darub aponta, também, débitos que deveriam ser pagos pela ex-prefeita Maria Raimunda.

Nas declarações da atual prefeita, o município se encontra desse jeito devidos aos milionários débitos deixados pela ex-prefeita Maria Raimunda e que até agora, impossibilitam a sua gestão. Ela também apontou diversas falhas na ação ministerial e diz que as testemunhas arroladas pela promotora foram nomeadas dias antes da ex-prefeita deixar o mandato. Vejam abaixo as declarações da prefeita Conceição dadas em um grupo, na internet, aos seus aliados.

“Boa noite meus amigos do grupo, agora que eu tive tempo de comunicar o que aconteceu comigo sobre o Ministério Público, que requer minha condenação por atos de improbidade administrativa. Tudo bem, fico triste porque esse presidente do Sindicato dos Servidores Municipais está faltando com a verdade que é Donga.

Assim que eu assumir o governo esse presidente me procurou para eu assinar um documento, fazendo acordo para efetuar o pagamento dos funcionários do mês novembro e dezembro do ano de 2016. Falei que não iria assinar, porque os dois sindicatos fizeram juntos os documentos, depois de alguns dias voltou só o presidente do sindicato eu assinei para ele e eu paguei para a Educação o mês de dezembro e o terço de férias. Tenho testemunha que não assinei para esse presidente ficar mentido, mas vou responder para a promotora de acordo o que aconteceu.

Outra coisa que fala, sobre dois funcionários que não recebeu, o que aconteceu: como no meu governo com a ex-prefeita não teve transição, procurei a promotora que não ficou a folha de pagamento. Ela que me deu a folha de pagamento para mim efetuar o pagamento de servidores, não tinha nome desses dois funcionários saber por que? Eles foram os que tem a portaria do mês de dezembro, que a ex-prefeita deu, como a folha que a promotora me deu foi do mês de setembro, não sei, porque eu já falei com a promotora pessoalmente, mais vou responder juridicamente.

Quanto ao presidente, por que não fala que eu paguei o mês de dezembro e o décimo terceiro salário para os funcionários da saúde e administração concursados e estável? No processo fala perda dos bens e valores acrescidos e patrimônio, onde eu comprei com dinheiro público posso perder. A justiça ainda não deixou comprar nem uma bicicleta neste município, só pagando dois milhões de precatórios. Se não fosse isso não estava devendo funcionários. E mais, tenho mais duzentos e cinquenta mil bloqueados pela justiça.

É triste e lamentável quem quer trabalhar. É assim mesmo, as árvores que têm frutos todos jogam pedras. Não pensem que eu baixo a minha cabeça, quem não deve não teme. Eu sirvo um Deus. Eu vou dá a volta por cima e enquanto estão me crucificado, estou em busca de algo para nosso município lindo e maravilhoso.

E quero convidar os amigos para comparecerem na quarta-feira, às 10 horas da manhã, na Rita de Cassia para dar ordens de serviço no poço artesiano na Escola ‘Tia Ducarmo’. Um sonho de todos e assim que terminar de fazer esse, vamos partir para Santa Rosa, Casa grande e sede e Ponta de Paulo. Deus é por mim, sei que ele vai me ajudar para pegar todos os funcionários, pois Ele conhece meu coração”.

Conceição Castro, prefeita de São Vicente Ferrer


O corpo de um homem, sem cabeça e com muitas perfurações de arma branca, foi encontrado boiando no Igarapé da Rua Pico das Águas, no bairro de São Geraldo, próximo à ponte que liga a Avenida Boulevard Alvaro Maia com a Avenida Brasil, na Zona Centro Sul de Manaus.

O encontro macabro como foi definido pelos policiais militares que atenderam a ocorrência, aconteceu por volta das 08h deste domingo, quando alguns moradores visualizaram o corpo e a princípio até pensaram que se tratava de um cachorro morto, mas logo constataram que era um cadáver humano.

 

 

Moradores do beiradão do igarapé foram os primeirosa avistar

o cadáver  boiando no igarapé (Fotos: Divulgação)

A cabeça também foi encontrada cerca de uma hora depois, boiando nas imediações de onde foi achado o corpo e pelo que disseram os policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), chamados ao local, o homem aparentava ter entre 25 e 30 anos.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada para fazer a remoção do corpo e da cabeça até às 11h30 da manhã deste domingo, nenhum morador da área havia feito a identificação da pessoa decapitada, perfurada a faca e jogada no igarapé.

Informações: Portal do Zacarias


 

O Pinheiro Atlético Clube retorna para casa com mais uma derrota em São Paulo.

No segundo jogo contra o Corinthians o PAC conseguiu uma melhor atuação em relação ao primeiro jogo contra o Ferroviária que logo nos primeiros 30 minutos de jogo já havia emplacado seis gols em cima do time pinheirense.

Diante do placar do primeiro jogo muitos aguardavam um resultado ainda maior do time anfitrião. Mas dessa vez o PAC entrou mais seguro em campo e conseguiu segurar um primeiro tempo de 1×0.

No segundo tempo, o PAC que já estava mais cansado em relação ao Corinthians, sofreu mais quatro gols terminando o jogo em 5×0.

 

O prefeito Luciano que acompanhou os dois jogos declarou seu total apoio aos atletas e agradeceu a comissão técnica e aos jogadores por estarem representando o futebol pinheirense e o nome do município em campeonatos fora do estado: “apesar da derrota nossos jogadores estão de parabéns por chegar até aqui levando o nome da nossa cidade a nível nacional; fizeram uma belíssima atuação contra o Corinthians, um time difícil e de peso, mas conseguiram segurar um excelente placar no primeiro tempo; fica aqui nossos agradecimentos a toda comissão técnica e ao vereadores que se disponibilizaram a acompanhar o time e apoiar nosso esporte; quero aproveitar e agradecer também ao prefeito de Araraquara Edinho Silva, que nos recebeu tão bem e se dispôs a trocar experiências conosco; tenho certeza que nos próximos anos retornaremos e sairemos vitoriosos; o esporte pinheirense sabe que pode contar com os investimentos da nossa gestão que está apenas começando.” Disse o prefeito Luciano


Os tiros foram disparados a queima roupa pela dupla assassina

Um homem com idade aproximada de 30 anos foi executado com pelo menos dez tiros disparados contra sua cabeça, na madrugada de hoje, domingo, 7, na Rua das Angélicas, bairro do Jorge Teixeira-Manaus, primeira etapa.

Testemunhas do crime relataram aos policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) que o local é ponto de venda de entorpecentes, o que levanta suspeita do assassinato estar ligado ao tráfico de drogas e um possível acerto de contas.

Segundo disse um morador da rua que presenciou o assassinato, dois homens, chegaram a pé no local, se aproximaram da vítima e após sacar pistolas da cintura, a dupla de homicidas, disparou os tiros e fugiu correndo.

O homem seria um dos envolvidos com a venda de drogas do bairro e foi dada uma informação que se trata de um ex-presidiário, mas como os policiais ainda não tinham sua identificação, a informação ainda estava para ser confirmada no decorrer das horas.

Várias cápsulas de pistola calibre 380 que estavam perto do corpo foram recolhidas pelos investigadores da Delegacia de Homicídios. O cadáver foi levado do local pelos funcionários da equipe de remoção do Instituto Médico Legal (IML).

 

 

Fotos: Divulgação


Dalva procura família biológica no Maranhão. (Foto: Arquivo)

“Eu sei que sou maranhense, mas eu não sei nada do meu lugar. Não sei nem a cultura da minha terra natal”. As palavras são de uma mulher identificada por Dalva Domingas Padilha, que, aos 39 anos, tenta localizar e conhecer a mãe biológica. Ela que mora no estado de Pernambuco, conta que nunca a viu na vida, apenas soube que a mãe dela mora no povoado Paquetá, município de São Bento, no interior do Maranhão. “Os detalhes da minha história são apenas os que constam na minha certidão de nascimento”, declarou.

Para entender a descobrir sua história, Dalva entrou em contato com o programa Na Hora, da Rádio 92.3 FM – emissora localizada na Grande São Luís. “Eu gostaria que vocês me ajudasse a descobrir a outra parte da minha história”, completou.

A mulher conta que nasceu no dia 04 de agosto de 1978, no povoado Paquetá, em São Bento. No entanto, o que ela sabe daquela época é pouca coisa. A mãe procurada é Maria das Dores Padilha que, segundo a filha, hoje deve ter em torno de 70 anos. “Minha vontade é conhecê-la e saber de onde vim. Ela faz parte da minha história. Sempre sofri com essas dúvidas. É direito de toda pessoa saber suas origens”, comentou.

Dalva tem uma história interessante. Ela nasceu em São Bento, mas foi adotada, com apenas 2 anos de vida para uma família que morava no povoado Pacas, também na mesma cidade, onde residiu até aos 7 anos. Em seguida, ela se mudou com a família adotiva para Pernambuco. Lá, ela cresceu, constituiu família, hoje é casada e mãe. Quem tiver qualquer informação pode enviar mensagens para o WhatsApp (98) 99121-6621 ou (98) 987703557.

radionoticiamaranhao