Na manhã desta terça-feira (22) a Polícia Civil após investigações iniciadas no último mês de abril, conseguiu prender Robson Silva Coelho, suspeito de integrar uma associação criminosa especializada em assaltos a residências nos bairros Vinhais e Renascença em São Luís.

A prisão foi comandada pelo delegado titular do 4ºDistrito Policial, Ney Anderson Gaspar, informando que o preso atuava sempre na companhia de mais comparsas e de forma violenta. Após sua localização, uma equipe da Polícia Civil logrou êxito ao mandado de prisão preventiva.

Na delegacia, Robson Coelho foi submetido as formalidades legais e posteriormente encaminhado ao Centro de Observação Criminológica de São Luís onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

 Ascom SSP-Ma.


O menino Raison Souza Negreiros, de 3 anos de idade, foi encontrado morto no começo da manhã de hoje, terça-feira, 22, dentro de um córrego do beco Natal, conjunto São Lucas, bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Manaus.

O corpo estava em cima de um pato quando foi visto por um casal que reside no conjunto e saía de manhã cedo para trabalhar, segundo informou um dos policiais militares que foram ao local para atender a ocorrência.

A explicação mais viável para a criança ter sido encontrada em cima da uma ave é que em uma casa situada bem perto do córrego um morador cria patos, galinhas e codornas para venda.

                                                                                                                 A polícia localizou a família, que já estava procurando Raison, e informaram que ele sofria de distúrbios mentais e pode ter saído de casa à noite quando todos dormiam.

À noite também choveu forte em toda a Zona Leste e no bairro Tancredo Neves não foi diferente, por isso o córrego sofreu uma elevação momentânea de água e Raison teria morrido afogado agarrado ao pato.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros enviou uma equipe ao local para iniciar uma investigação e várias pessoas foram interrogadas,  além dos familiares do garoto encontrado morto.

O corpo do menino foi removido do córrego às 8h30 e o exame de necrópsia que será realizado no Instituto Médico Legal (IML) vai definir a causa da morte do garoto.

 

ATENÇÃO! IMAGEM FORTE! 

Foto: Divulgação Portal do Zacarias


A cidade de São Bento-MA está prestes a receber o novo complexo de segurança pública do Estado do Maranhão.
Através do esforço do Prefeito LUIZINHO BARROS e do presidente da Assembleia Legislativa Deputado Othelino Neto, será entregue em data a definir o complexo de segurança pública onde serão inauguradas modernas instalações para a POLÍCIA MILITAR e para a POLÍCIA CIVIL.

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e área internaO Tenente Coronel Joselito Mendes da Assembléia Legislativa fez uma visita às instalações e verificou a possibilidade de em breve São Bento ser a SEDE de um Batalhão da Polícia Militar, onde seriam beneficiados as cidades de São Bento, Peri Mirim, Penalva, Palmeirândia, São Vicente de Ferrer, Cajapió e Olinda Nova.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas em péO Tenente Coronel Mendes,afirmou que:”Estamos muito felizes com a implantação do novo complexo de Segurança Pública, hoje São Bento está estrategicamente localizada para no futuro ser implantado o batalhão de São Bento que irá beneficiar 8 (oito) municípios, com o apoio do Deputado Othelino Neto e do Governador Flávio Dino em breve teremos uma baixada muito mais segura onde poderemos desfrutar da tranquilidade pública e paz social.”

A imagem pode conter: pessoas sentadas e área interna

Com informações /fotos:

Zeus Padaratz 

                                                                                  Paola está desparecida desde domingo  (Foto: Reprodução / Instagram)

Foto: Reprodução

Policiais da Divisão de Homicídios de Porto Alegre investigam se uma jovem que foi executada dentro de uma cova é Paola Avaly Corrêa, de 19 anos, que estava desaparecida desde o último domingo.

 

A família da jovem a reconheceu em um vídeo que está circulando em redes sociais.

 

Na tarde desta quinta-feira, a Polícia Civil do Rio Grande do Sul informou que o corpo da jovem foi encontrado no bairro Agronomia, na Zona Leste de Porto Alegre.

 

As imagens mostram uma mulher com mãos e pés amarrados deitando em uma cova rasa aberta no meio do mato. A jovem deita de lado, obedecendo ordens de um ou mais homens. Em seguida, é possível ouvir os disparos.

O vídeo começou a circular na segunda-feira, segundo o delegado Gabriel Bicca, da Divisão de Homicídios de Porto Alegre. As imagens foram mostradas para a família nesta quarta-feira, que afirmaram ser Paola. O delegado, no entanto, age de maneira cautelosa e diz que as duas “têm as mesmas características”.

 

A mãe de Paola Avaly está à base de calmantes e sem condições de falar sobre o assunto. Segundo uma irmã, que não quis se identificar, Paola abandonou os estudos e saiu de casa para morar no bairro Bom Jesus. A jovem foi na casa dos pais no Dia das Mães e não deu mais notícias.

— Não era de conhecimento da família que a Paola tivesse relacionamento com que alguém ligado ao tráfico. A minha irmã foi reconhecida por algumas pessoas da família que viram o vídeo, mas não permitimos que a minha mãe visse. É horrível e ela (a mãe) já está sofrendo muito — disse a irmã de Paola.

O vídeo tem cenas fortes. Sem esboçar qualquer reação, a mulher deita de lado na cova e olha para os seus (não se sabe quantas pessoas estavam no momento da execução) algozes e deita. Em seguida, são feitos dois disparos e dá para ver as faíscas saindo do revólver.

— Estamos ouvindo familiares e amigos. Segundo a família, ela parou de estudar e saiu de casa para viver no bairro Bom Jesus, na Zona Leste de Porto Alegre, uma área da cidade conflagrada — disse Gabriel Bicca.

 Paola Avaly Corrêa (Foto: Reprodução / Instagram)

A polícia apura se um corpo encontrado na Vila Tamanca, Zona Leste da cidade, é o de Paloma. A jovem é considerada desaparecida desde domingo, quando foi a última vez que foi vista pela família.

Em nota, a Divisão de Homicídios de Porto Alegre afirma que Paola tem antecedentes criminais por suspeita de receptação.

Há informações de que a jovem estava se relacionando com um homem que tem envolvimento com o tráfico. A polícia informou que Paola visitou recentemente Nathan Sirangelo, na Cadeia Pública de Porto Alegre, preso na galeria em que se concentram criminosos ligados à facção Bala na Cara. A última visita foi no dia 9 de maio.

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES!

 

 Fonte: Portal do Zacarias

 

Os dois corpos foram jogados no local em plena luz do dia

Os corpos de dois homens com perfurações de tiros, olhos vendados, pés e mãos amarrados foram encontrados quase no final da tarde desta quinta-feira, 17, no beco Francisco Galvão, bairro Amazonino Mendes (Mutirão), Zona Norte de Manaus.

Os dois corpos foram jogados de um carro de cor escura, que os moradores disseram para a polícia que não tiveram tempo de anotar a marca, modelo e muito menos a placa, porque a dupla “desova” aconteceu muito rápido, até porque tudo aconteceu em plena luz do dia.

Quatro homens desceram do veículo, abriram o porta-malas, retiraram os corpos dos dois homens e jogaram no chão como e fossem “sacos de lixo sendo jogado naquele local”, revelou um dos moradores se dizendo totalmente estarrecido com o que acabara de presenciar.

A polícia foi comunicada do duplo homicídio e não encontrou qualquer tipo de documento pessoal com os dois homens desconhecidos, que, além dos tiros que provocaram suas mortes, também tinham golpes de faca no peito e tórax emarcas de muita tortura.

 

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES! 

 

 

 

Fotos: Divulgação

 Fonte: Portal do Zacarias

O cadáver sem a cabeça e sem a perna estava à margem do igarapé

O corpo de um homem decapitado e sem uma das pernas foi encontrado boiando no começo da manhã desta quinta-feira, 17, em um igarapé da Rua Piau, bairro do Jorge Teixeira, na Zona Leste de Manaus.

 

Estas são as primeiras informações da polícia, que foi informada do encontro de cadáver por volta das 7h30 por moradores que foram às margens do igarapé jogar lixo doméstico e se depararam com o homem sem cabeça e sem a perna direita.

 

Alguns populares chegaram a entrar no igarapé, que não está muito fundo nesta época do ano, à procura da cabeça e da perna do homem decapitado, mas as duas partes do corpo não foram localizadas.

 

A parte do tórax e nas costas foram verificados profundos golpes de faca e o que pode ajudar na identificação do homem assassinado é uma tatuagem na barriga próximo ao quadril, segundo comentou o perito do Instituto de Criminalística.

 

Na calça que a vítima vestia não foi encontrado nenhum documento pessoal e até às 9h ainda era aguardada a presença da equipe do Instituto Médico Legal (IML) que estava atendendo outra ocorrência de morte violenta.

 

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES! 

 

 

 

Fotos: Divulgação. Com informações: Portal do Zacarias


A Polícia Civil do Maranhão através do Departamento de Combate ao Crime Tecnológico (DCCT/Seic), participou nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (17) de uma operação de combate ao crime de pedofilia batizada de “Luz na Infância 2”, uma das maiores ações do mundo de combate ao crime e realizada nos 24 estados, além do Distrito Federal. A força tarefa nacional é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública.

No Maranhão, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão, além da prisão em flagrante de Gustavo Carvalho Silva Campos (24) e Ozeias de Sousa Campos (35) em São Luís e em Imperatriz. Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública e pelo Departamento especializado da Seic do Maranhão.

Baseado em elementos informativos e investigativos coletados em ambientes virtuais desenvolvidos durante quatro meses, os materiais apresentavam indícios suficientes de autoria e materialidade delitiva.

Segundo o Delegado Odilardo Muniz, a operação policial procura arquivos com conteúdos relacionados aos crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Além disso, coube a Polícia Civil do Maranhão instaurar os inquéritos e solicitar aos juízes a expedição dos mandados.

Por: Anselmo Oliveira/Ascom-SSP


O corpo de um caseiro foi encontrado boiando e com o rosto desfigurado, por volta das 16h desta terça-feira, no igarapé que passa às margens da comunidade conhecida como “Panelão”, no município do Careiro Castanho, distante 88 quilômetros de Manaus em linha reta.

Uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) juntamente com policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) e um perito platonista do Instituto de Criminalística (IC) fizeram o deslocamento rumo à comunidade onde o cadáver foi encontrado boiando.

Até às 17h ainda não havia nenhuma informação oficial dos policiais indicando se o caseiro morreu por afogamento ou foi vítima de assassinato.

O corpo do caseiro deve ser trazido para Manaus e o exame de necropsia vai confirmar se houve crime de homicídio ou se trata-se apenas de uma vitima de afogamento.

 

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES! 

 

 

Com informações: Portal do Zacarias


O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado no início da manhã deste domingo (13), na Avenida Abiurana, próximo a uma fábrica no Distrito Industrial, Zona Sul de Manaus.

De acordo com informações da 7ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), uma denúncia anônima realizada por volta das 5h30 informou a localização do corpo.

O Departamento de Polícia Técnico Científica (DPTC) afirmou que a vítima possuía oito perfurações causadas por disparos de pistola ponto 40, que atingiram a cabeça e o tórax.

Nenhum documento de identificação foi encontrado junto ao corpo, que foi conduzido ao Instituto Médico Legal (IML).

O homem possui idade entre 16 e 20 anos, vestia bermuda jeans e camisa vermelha escura.

A Polícia Civil investiga o caso.

 

 


 

“Mucura” foi assassinado quando se embalava em uma rede dentro de sua casa

Mais um assassinato que pode estar ligado ao tráfico de drogas foi registrado pela polícia. Desta vez o crime aconteceu na Rua Cravinho, bairro Jorge Teixeira 2, Zona Leste de Manaus.

A vítima foi o ex-presidiário Marlon de Oliveira Simas, 26, vulgo “Mucura”, que foi executado com cinco tiros.

O ex-presidiário se embalava em uma rede em sua casa quando um homem  invadiu o imóvel e efetuou os disparos que atingiram a cabeça, o abdome e o braço direito que provocaram a morte instantânea.

A mulher de “Mucura”, que não quis se identificar, confirmou que ele era traficante e que havia saído da cadeia no mês de março deste ano depois de ser beneficiado pelo regime semiaberto do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj).

Um vizinho ajudou equipe do IML na remoção do corpo de dentro da casa

Já existiam ameaças de morte e o ex-presidiário teria contado isso para sua mulher, mas permanecia traficando drogas no bairro e o que menos acreditava, ao que tudo indica, é que os inimigos teriam a coragem de invadir sua casa para executá-lo.

O homem que fez os disparos que mataram Marlon “Mucura” correu para fora, subiu na garupa de uma motocicleta pilotada por um comparsa e saíram do local em alta velocidade, contaram testemunhas.

Uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção do corpo. Um perito do Instituto de Criminalística juntou as cápsulas dos projéteis de pistola calibre 9 milimetros que estavam no chão da casa. Uma investigação foi iniciada pela equipe da Delegacia de Homicídios.

ATENÇÃO! IMAGEM FORTE! 

Foto: Divulgação Portal do Zacarias