Durante todo o dia (16/04 ) segunda-feira)  a Prefeitura de São Bento-Ma , por meio da Secretaria Municipal de Saúde realizou a capacitação  em  vacinação para equipes de enfermagem e Agentes Comunitários  de Saúde  que atuam nas unidades de saúde da sede  e nas comunidades da Zona Rural . O curso, voltado para enfermeiros e técnicos de enfermagem e Agentes Comunitários , teve por objetivos atualizar e treinar os  profissionais  que foram convocados pela Secretaria.

Durante a prática  da capacitação,  os participantes tiveram a oportunidade de esclarecer suas dúvidas sobre  (local de armazenamento e distribuição de vacinas) além de informações diversas . Esta foi uma oportunidade de atualização sobre os novos protocolos do Programa Nacional de Imunização e tudo de mais importante de como  funciona a rotina das salas de vacina e as novidades sobre as vacinas que estão sendo introduzidas no calendário.

Foram mais de 100 (cem) profissionais que receberam orientações , da equipe de Coordenação de Imunização que apresentou o calendário de vacinas oferecidas pelo Sistema Único de Saúde. O calendário é composto de diversos  tipos de vacina, incluindo a vacina contra a Hepatite A e a de prevenção contra a gripe que é oferecida em forma de campanha.

Em entrevista concedida ao nosso Blog sobre a capacitação dos profissionais , o Prefeito LUIZINHO BARROS se reportou da seguinte forma  : “Esta capacitação também foi uma oportunidade para podermos nos  atualizar, já que as vacinas e as normas técnicas estão em constante mudança, com isso sempre continuaremos buscando  novas informações sobre as vacinas que são aplicadas, para que possamos fortalecer junto à comunidade a prevenção por meio da imunização, esperamos que com essa capacitação todos os profissionais se sintam ainda mais seguros para atuação nas salas de vacinas das unidades de saúde e itinerantes de campanha , oferecendo um serviço de qualidade que atenda as zonas urbana e rural.  Finalizou. 

 


Prefeito empossou o secretário e adjunta de Juventude

O prefeito de São João Batista, João Dominici, empossou na sexta-feira passada, 20, o secretário e a secretária de Juventude e sua adjunta. Esta foi a primeira vez que um gestor empossou um secretário de Políticas para a Juventude e marca um grande e importante momento que a categoria vive em nossa cidade, se tornando uma referência em todo o estado do Maranhão.

A cerimônia foi durante as comemorações dos 13 anos do Fórum da Juventude, realizada no plenário da Câmara de Vereadores. Além do prefeito, estiveram na cerimônia o ex-prefeito Eduardo Dominici; os vereadores Junior Valdez, Chico de Nhozinho, Jorge de Baduca, Tales Pinheiro e Renato Machado; por secretários municipais como Eduardo Costa (cultura); Ana Lúcia Moreno (educação), e Cristina Figueiredo (adjunta de Assistência Social), além de representantes de outros órgãos do Poder Público.

O evento também foi acompanhado pela secretária de Juventude de Matinha, Vivânia Gonçalves; pelo ex-vice-prefeito de São Bento, Issac Dias Filho; pelas militantes e ativistas Lília Barrada e Maria Freitas; pelo presidente do Fórum de Políticas Públicas de Juventude da Baixada Maranhense, Jailson Mendes; pelo vice-presidente do Conselho Municipal de Juventude, Denis Abreu; pelo coordenador do Fórum da Juventude de São João Batista, Joseilson Costa; e por representantes de várias organizações como Nélio Freitas, Fernando Junior, Vailson Carlos e representantes do Fórum da Juventude e membros do Conselho Municipal de Juventude.

Os ex-coordenadores do Fórum da Juventude de São João Batista, Fernando Santos e Luzidalva Martins, foram escolhidos para assumir os cargos de secretário e secretária-adjunta de Juventude do município, respectivamente. O evento começou com a instalação da mesa de abertura, composta pelo prefeito, vereadores e líderes de movimentos, e aberta pelo coordenador do Fórum da Juventude, Joseilson Costa, que colocou a importância e o momento histórico vivido pelos jovens do município. Um vídeo da secretária de estado da Juventude, Tatiana Pereira, foi apresentado, onde ela parabeniza o prefeito, o secretário e a juventude joanina pela conquista.

Após a fala de todos, o prefeito João Dominici usou da fala e também destacou as ações do Fórum da Juventude em prol da categoria em nossa cidade. Ele também elencou os desafios que vem sofrendo em sua administração e desejou boa sorte ao primeiro secretário de Juventude da história da cidade. As palavras dele foram intensificadas pelo vice-presidente do Conselho de Juventude, Denis Abreu, e pelo presidente do Fórum Regional de Juventude da Baixada, Jailson Mendes. Ambos colocaram a importância do investimento na juventude e destacaram o papel de protagonismo que os joaninos vivem.

Após as falas, o prefeito entregou as portarias aos jovens Fernando Santos e Luzidalva Martins, que se tornaram os primeiros jovens a serem empossados como secretários de juventude do município de São João Batista. Eles agradeceram o papel fundamental do ex-prefeito Eduardo Dominici, que organizou todas as tratativas para a criação da pasta, e também aos vereadores, pela aprovação do projeto que criou o órgão exclusiva de Juventude. Fernando disse que precisará de todo o apoio necessário e elencou algumas ações que devem ser prioridades durante a sua gestão a frente da secretaria, e agradeceu a sua mãe, que estava presente no evento, e ao Fórum da Juventude, por tê-lo escolhido para assumir tal cargo.

Aniversário do Fórum da Juventude de São João Batista

Durante todo o dia da sexta-feira passada, o Fórum da Juventude comemorou 13 anos de fundação em nossa cidade. Os eventos de comemoração começaram com a apresentação da Agenda Positiva para este ano e logo após teve a apresentação de projetos como o CurtFérias, Dia Municipal de Juventude, Programa de Formação da Juventude e o início da Campanha ‘Ajude o Fórum da Juventude’.

 Entre os presentes estavam o prefeito João Dominici, o vereador Chico de Nhozinho, o superintendente de Articulação Política do Estado, Luiz Everton; os secretários titulares e adjuntos Ana Lucia Moreno, Cristina Figueiredo e Zé de Beija; além de representantes de organismos juvenis de São João Batista. Após isso, um lanche foi oferecido a todos os presentes. A agenda continuou com uma entrevista na rádio comunitária Beira Campo e a posse do secretário e adjunto de Juventude, na Câmara de Vereadores

 


Circular encaminhada pelo Comando de Policiamento do Interior a batalhões da corporação quer dados sobre adversários por possíveis embaraços no pleito eleitoral

De O Estado

 

O Comando de Policiamento de Área do Interior da Polícia Militar do Estado determinou o monitoramento de políticos que atuam na oposição ao governador Flávio Dino, nos municípios que integram o interior do estado, por suposto “embaraço ao pleito eleitoral”.

O ato, oficializado por meio da Circular nº08/2018 e que deixa explícito o objetivo de operar sobre o processo eleitoral deste ano, é acompanhado pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), que é quem conduz as ações de segurança pública em todo o território estadual.

O documento, já encaminhado para todas as unidades da PM no interior do estado subordinadas ao comando, determina o envio de respostas em caráter de urgência, tendo como referência outro memorando, o de número 098/2018, que “versa sobre o Levantamento Eleitoral”.

A circular da PM destaca dois principais pontos aos comandantes da Polícia Militar que atuam no interior. O primeiro, sobre o monitoramento da oposição nos municípios e o segundo sobre a atualização de dados do efetivo, nos respectivos municípios de atuação.

O documento cita a verificação de ex-deputados, ex-prefeitos e ex-vereadores, que “podem causar embaraços” nas eleições 2018.

“Os comandantes das UPMs deverão informar as lideranças que fazem oposição ao governo local (ex-prefeito, ex-deputado, ex-vereador) ou ao Governo do Estado, em cada cidade, que podem causar embaraços ao pleito eleitoral”, destaca o documento.

“Os comandantes das UPMs deverão em seu banco de dados atualizado de efetivo, informar a cidade que o policial está lotado”, completa a ordem.

Escândalo – O uso da força policial para o monitoramento de adversários políticos do governador Flávio Dino, ato que faz alusão ao período da Ditadura Militar, pode se tornar um novo escândalo no seio do Palácio dos Leões. O Executivo, contudo, já se viu envolvido em ações que sintetizam o suposto uso da máquina.

Em 2016, por exemplo, O Estado revelou que o promotor de Justiça Paulo Roberto Barbosa Ramos, da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica de São Luís, havia formalizado denúncia contra a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) no fatídico Caso Sefaz, com base em documentos e relatórios de auditorias produzidas pelo próprio Governo comunista.

Na sua quase totalidade, a denúncia foi embasada em um relatório preliminar de auditoria da Secretaria de Estado da Transparência e Controle (STC) – complementado posteriormente pelo relatório final -; em um relatório de uma comissão formada por membros da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) e da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) e em um processo administrativo aberto também na Sefaz.

Os documentos chegaram às mãos do promotor Paulo Ramos praticamente um mês antes do oferecimento das denúncias criminal e de improbidade administrativa contra 10 pessoas, dentre elas a emedebista.

Em novembro do ano passado a 2ª Câmara do Tribunal de Justiça decidiu, por unanimidade, pelo trancamento da ação em desfavor da ex-governadora. Os magistrados analisaram e constataram a falta de provas contra a emedebista. No mês seguinte, a Justiça Estadual rejeitou uma ação civil, formulada pelo mesmo promotor, contra a ex-governadora.

Saiba Mais

O governador Flávio Dino aparelhou politicamente a Polícia Militar, ao efetivar o ingresso de capelães, indicados por lideranças evangélicas da Assembleia de Deus, sem a prerrogativa do concurso público, em troca de apoio político da igreja para o pleito deste ano. Além da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, Dino incluiu capelães na Polícia Civil.

OUTRO LADO

O Estado entrou em contato com a Secretaria de Estado da Comunicação, para obter esclarecimentos a respeito da Circular nº 08/2018, da Polícia Militar, sobre o monitoramento de políticos adversários ao governador Flávio Dino (PCdoB) no interior do estado. Até o fechamento desta edição, contudo, não houve resposta.

Publicado em  por 


(Líder oposicionista e presidente de honra do PPS ribamarense, Marco Aurélio chamou atenção para continuísmo do modelo arcaico “mouralista” e conclamou população a dá basta nas estratégias de politicalha do prefeito. )

O líder oposicionista ribamarense, presidente de honra do PPS municipal e ex-pré-candidato a prefeito de São José de Ribamar, Marco Aurélio Ferreira criticou duramente na tarde dessa terça-feira (17)  em declaração a Agência Baluarte o modelo de governo implantado há 10 anos pelo atual prefeito da cidade , Fernando Moura da Silva a quem Marco classificou de ‘’modelo ultrapassado que prejudica a população de Ribamar há uma década’’.

Incisivo, o líder chamou  atenção da população para o fato das gestões que vem passando pelo município nos últimos 10 anos   representarem a continuidade do atraso na terceira maior cidade do estado nos dias atuais. Marco Aurélio também conclamou os representantes da oposição a romperem com o modelo em questão.

Marco Aurélio Ferreira avaliou os 15 meses de gestão de Moura utilizando expressão do senso comum e lançou luz sobre as ausências hoje sentidas na esfera da administração. Ele destacou o fato de os lideres políticos terem sido enganados na eleição passada, que segundo ele, visava tão somente eleger o prefeito e seu antigo grupo. ”Chega disso de que sai Luis Fernando Moura  e entra um apaniguado dele; sai ele em 2020 e fica o vice Eudes. A população precisa dizer Não a esse esquema maléfico e a nova oposição que queira ser de verdade não pode está ligada a nenhum desses nomes que passaram por Ribamar nos últimos 10 anos. Nomes estes que destruíram a nossa cidade e que continuam brincando de governar no atual governo, com irresponsabilidades sem precedentes”, frisou Aurélio.

O líder oposicionista e presidente de honra do PPS ribamarense, Marco Aurélio Ferreira em avaliação dos 15 meses da gestão de Fernando Moura(imagem acima) em Ribamar:

”Vivendo de mídia. Enchendo linguiça. Não há outra expressão, pois a cidade está abandonada e todo o Maranhão sabe disso. Ribamar foi há  seis  anos destruída e agora continua surfando no abandono. Luis Fernando Moura enganou as lideranças e os partidos. O PPS  foi uma das legendas que o pôs no cargo de prefeito e ele queria,  como todos os ribamarenses sabem,  apenas se eleger prefeito , conservando as mesmas figuras de sempre que tem relação direta com a destruição de Ribamar e que continuam ocupando cargos sem nenhuma competência, como é o caso do atual secretário de Cultura. Temos de dá um basta nesse jogo sujo. Chega da politicalha desse prefeito em São José de Ribamar’’.  Vaticinou Marco Aurélio.  

Por: Fernando Atalaia

atallaia.baluarte@hotmail.com


                                                                                                                                                                                                        Empresário Lúcio André

Foi julgado hoje, dia 18, no pleno do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) o caso do empresário Lúcio André, que foi acusado pela ex-companheira de agressão.

Por unanimidade, os desembargadores decidiram manter o habeas corpus para o empresário, julgando pela impossibilidade da mudança de voto do desembargador Raimundo Melo.

Raimundo havia votado a favor do HC, mas depois de uma semana mudou seu entendimento e apresentou uma nova decisão em desfavor do empresário, que recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O ministro Felix Fischer derrubou e questionou a decisão de Raimundo Melo, dizendo que o desembargador não poderia ter mudado seu voto. Veja a decisão aqui.

Agora o empresário Lúcio André responderá em liberdade.

Por Luís Pablo 


Empresário Lúcio André

O ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), derrubou e questionou a decisão do desembargador maranhense Raimundo Melo no caso do empresário Lúcio André, que foi acusado de agredir a ex-companheira.

Na decisão, o ministro diz que o desembargador não poderia ter mudado seu voto. Raimundo Melo havia acompanhado o voto do desembargador Antônio Bayma Araújo à favor do habeas corpus do empresário, no dia 3 deste mês.

Após uma semana, no dia 10, o magistrado mudou seu entendimento sobre o pedido de HC, apresentando a nova decisão na sessão da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA).

“Segundo se infere dos autos, o motivo para eventual a modificação do resultado do julgamento do Habeas Corpus seria error in judicando, ou seja, avaliação equivocada dos fatos e provas, circunstâncias que primo ictu oculi, não autoriza modificação do resultado do julgamento”, disse Fischer que deferiu, parcialmente, o pedido de liminar de Lúcio André, “tão somente para suspender, até o julgamento do mérito”.

Com a decisão do ministro, o empresário irá responder em liberdade e deixa de ser foragido perante a Justiça. Abaixo a decisão:


Os auditores estaduais de controle externo Domingos César e Fidel Rêgo realizaram, na manhã desta segunda-feira, 16/04, os procedimentos de validação das informações relativas ao Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM) fornecidas pela prefeitura do município de Pinheiro, cidade localizada a 114 Km de São Luís, na região da Baixada Maranhense.

O IEGM é um dos mais amplos estudos já realizados sobre a gestão pública brasileira, executado por tribunais de contas de todo o país a partir de metodologia especialmente elaborada com a finalidade de aferir a efetividade e os resultados das políticas públicas.

Sete áreas foram escolhidas para o levantamento das informações que servirão de base para o cálculo do IEGM: cidades protegidas (Defesa Civil), educação, gestão fiscal, governança em tecnologia da informação, meio ambiente, planejamento e saúde.

Em relação ao IEGM 2018, o Maranhão foi escolhido para o desenvolvimento de uma experiência pioneira que pode, nos próximos anos, ser estendida para todo o país. A partir de cooperação técnica celebrada com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), foi incluído no IEGM um indicador que vai identificar e classificar as iniciativas postas em prática pelo poder público para estimular o desenvolvimento local.

A medida inédita tem especial relevância no cenário de crise atualmente enfrentado pelo país, em que um dos maiores desafios enfrentados pelos estados e municípios é a geração de emprego e renda para suas populações.

O presidente do TCE, conselheiro Caldas Furtado, ressalta que o IEGM representa uma inflexão na atuação das Cortes de Contas brasileiras, consolidando o potencial das instituições responsáveis pelo exercício do controle externo de influir decisivamente na construção de uma nova cultura da gestão pública, baseada na busca de maior eficiência e resultados concretos para os cidadãos. “O IEGM buscar identificar a forma como o poder público tem atuado, seu grau de eficiência, sua capacidade gerencial, sua forma de planejamento e os resultados que foram alcançados com a utilização dos recursos públicos.


O ex-candidato a vereador e líder político Bigalethy anunciou há dois dias em São José de Ribamar que pretende encabeçar chapa em 2020 nas majoritárias ao lado de possíveis postulantes ao cargo do Executivo municipal. Entre as opções citadas pelo líder constam o do ex-prefeito da cidade Júlio Matos e o filho primogênito do saudoso  gestor Jota Câmara, Roberto Câmara.

Bigalethy , que chegou á conclusão da mudança de campo político após ser instigado  por lideranças comunitárias locais ,  afirma que no  poder Executivo teria maiores  condições de realizar trabalhos que beneficiem os ribamarenses.

”Sou muito instigado e provocado a mais realizar e fazer do que elaborar leis. As pessoas me cobram que eu ajude, participe e realize ações concretas, práticas nas comunidades ribamarenses, então cheguei a esta conclusão de que no Executivo éo lugar certo para atuar desta forma”, conta Bigalethy.

”Tenho um público que me acompanha. Público este de vários segmentos. Como vice numa chapa e  faço questão de ressaltar a qualidade dos colegas Roberto Câmara e Júlio Matos como nomes dos quais me agrado, teremos, se eleitos, condições de trabalhar de verdade pelos segmentos sociais de nossa cidade’’, afirma o líder. A menos de 28 meses do próximo pleito, atualmente na cidade as forças oposicionistas buscam unificar-se em torno de chapa  única para aquela que será a eleição mais disputada e marcante da história eletiva de São José de Ribamar. Bigalethy destaca que sua participação no processo político ribamarense se deve ao seu envolvimento em causas sociais onde atua de forma permanente.

POR FERNANDO ATALLAIA

atallaia.baluarte@hotmail.com


O vereador e professor Sandro Lima esteve na manhã desta quinta-feira no programa TÁ NA MÍDIA da rádio cultura FM 105,9. O matinal é apresentado pelo radialista Willian Vieira e vai ao ao ar de segunda a sexta-feira as 8hs da manhã.

O parlamentar falou dos seus projetos e da brilhante administração do PREFEITO LUCIANO GENÉSIO. 
Segundo o vereador o município está crescendo e se desenvolvendo e sabe que ainda tem muito a ser feito, porém o prefeito está trabalhando muito.
Falou ainda que é importante está parceria e quem ganha com tudo isso é a população.

“Sou professor e estou vereador, tenho inúmeros requerimentos e projetos e mais de 80% já foram atendidos isso prova que estamos ajudando a melhorar a vida das pessoas. Esse mandato não é meu e sim do povo que me elegeu, .que acreditou no meu potencial. Não estamos e nem vamos decepcionar. As críticas virão, e isso prova que a árvore é boa e dá frutos, por isso as pedras e os ataques maldosos daqueles que já nasceram derrotados.”

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé
A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e terno

O prefeito Luciano se reuniu nesta manhã (10) com o Secretário de Estado do Trabalho e da Economia Solidária, Silvio Conceição Pinheiro, para tratar da implantação do Sistema Nacional de Emprego – SINE.

Alguns locais foram visitados para avaliação de qual atenderá melhor a população com a instalação do serviço no município.

Além da captação e organização das vagas de empregos na região, o SINE também disponibilizará outros serviços como emissão de Carteira de Trabalho, recepção de Seguro Desemprego, intermediação de mão-de-obra entre outras prestações de serviços tanto para a classe trabalhadora quanto a classe empresarial.

O Secretário de Agricultura, Desenvolvimento Econômico e Segurança Alimentar, Ronald Coqueiro, também participou da reunião e acompanhou as visitas aos locais sugeridos pela gestão municipal.

O SINE é um serviço muito importante espalhado pelo Brasil inteiro que visa o desenvolvimento econômico e distribuição de empregos a população; através da parceria com o Governo do Estado, o Maranhão já possui 16 agências espalhadas em diversos municípios.

Pinheiro, a Princesa Da Baixada, através do trabalho responsável, empreendedor e comprometido do Prefeito João Luciano, receberá a 17º agência, que auxiliará a população do município e da região na inserção ou reinserção do trabalhador ao mercado de trabalho.