Quatro tiros de pistola calibre 9 milímetros, todos atingindo a cabeça, foi como morreu um homem com o nome ainda desconhecido, 20 anos de idade aproximadamente, trajando no momento de sua execução, calção amarelo com listras pretas e camisa azul de meia.

O homicídio aconteceu na primeira hora da madrugada desta segunda-feira, 19, na Rua Osvaldo Aranha, bairro de Santo Antônio, Zona Oeste de Manaus e segundo já foi apurado na investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros, o local do crime é considerado como ponto movimentado de venda de drogas.

Testemunhas do crime contaram que momentos antes de morrer o homem foi visto na esquina da rua, com um cigarro de maconha acesso em uma das mãos e como parecia estar bastante entorpecido, ele não se importava com as pessoas que passavam pela rua e observavam a prática de seu vício.

Um morador que viu o crime da janela de sua residência disse que dois homens apareceram rapidamente no local, a pé, discutiram com o usuário de droga e logo em seguida um deles sacou a pistola da cintura e fez os quatro disparos fatais contra a cabeça da vítima que morreu na hora enquanto a dupla criminosa fugia correndo do local.

O cadaver foi removido por volta de 1h30 pela equipe do Instituto Médico Legal. Policiais do 5º Distrito Integrado de Polícia (DIP) confiram que a área é vermelha e que o homem seria um vendedor e usuário de drogas que pode ter se endividado com traficantes a acabou assassinado. 

 

Fotos: Divulgação  Portal do Zacarias