Foto: Divulgação

“Buiu” comandou o latrocínio e foi linchado por grupo de populares coarienses

O mototaxista popularmente conhecido como “Tito” foi brutalmente assassinado na madrugada da quinta-feira no município de Coari.
Segundo informações preliminares o mototaxista fez corrida para duas mulheres e ao chegar no local que elas indicaram, três homens já o aguardavam. O mototaxista foi assaltado, espancado e antes de ser morto com facadas, foi estuprado.
A polícia de Coari já apreendeu as duas adolescentes de 16 e 17 anos que atraíram “Tito” do centro do município para a cilada que resultou na sua morte.
O assaltante conhecido como “Buiú”, considerado de alta periculosidade em Coari, comandou o latrocínio e foi espancado por um grupo de populares que decidiram fazer “justiça com as próprias mãos” antes da polícia colocar as mãos nele.
Policiais militares do Batalhão de Coari chegaram no local do espancamento e o assaltante ainda estava com vida, mas morreu pouco antes de ser levado para o hospital.
Outros dois assaltantes que participaram do latrocínio do mototaxista e que seriam amantes das adolescentes apreendidas, ainda estão foragidos e a polícia tem informações que fugiram para a Zona Rural do município.
Com o assassinato do radialista Wanden Costa, também nesta semana, depois e um tentado a tiros, a população de Coari está abalada por uma onda de violência.

 

VEJA VÍDEO!

Com informações:Portal do Zavarias