PEDRINHAS

Apenados vão para regime disciplinar diferenciado em Pedrinhas (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Decisão é da 1ª Vara de Execuções Penais da capital maranhense.
Pedido foi feito pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-MA)

A 1ª Vara de Execuções Penais (VEP) de São Luís (MA) determinou a inclusão dos apenados Leanderson Nonato dos Santos, Henrique Borges Chagas, Wlderley Moraes e Eliakim Dávila Machado, em Regime Disciplinar Diferenciado (RDD), baseada no envolvimento dos condenados com a articulação, organização e execução dos ataques a ônibus coletivos na capital, ocorridos na última semana na Região Metropolitana. O pedido foi feito pela Secretaria de Estado da Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA).

Reforço da Força Nacional visa permitir mobilidade de equipes da PM-MA  (Foto: Regina Souza/TV Mirante)Reforço da Força Nacional visa permitir mobilidade
da PM-MA (Foto: Regina Souza/TV Mirante)

Os quatro presos foram autuados em flagrante pelo crime de organização criminosa, segundo informou a Justiça. Eles deverão ser recolhidos às celas individuais do presídio de maior segurança existente no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, com videomonitoramento, banho de sol individual de apenas duas horas por dia e restrição das visitas a uma pessoa da família (exceto criança), com duração também de duas horas.

Ônibus incendiado no Parque Jair, em São luís, fazia linha para a comunidade do Vassoural (Foto: Reprodução/TV Mirante)Fatos são concretos e graves, passíveis de RDD, segundo a juíza (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Na decisão, a juíza Ana Maria Almeida Vieira, titular da 1ª VEP, observa que os fatos são concretos e graves, e por isso, perfeitamente passíveis de inclusão no RDD. “Assim, o apenado demonstra comportamento insatisfatório, porquanto o reeducando frustra os objetivos da execução penal”, ressalta em sua decisão.


Papete morreu aos 68 anos, vítima de câncer de próstata (Foto: De Jesus/O Estado/Arquivo)

Músico, que tinha 68 anos, lutava contra um câncer de próstata.
Ele estava internado em hospital de SP; quadro piorou nos últimos dias.

Do G1 MA

Morreu no início da madrugada desta quinta-feira (26) aos 68 anos o engenheiro ambiental, cantor e compositor José de Ribamar Viana, o ‘Papete’. Papete lutava contra um câncer de próstata, diagnosticado este ano. O músico estava internado no Hospital Alemão Oswaldo Cruz, em São Paulo, e o quadro havia piorado nos últimos dias.

O translado do corpo de Papete para São Luís ocorre ainda nesta quinta-feira, com previsão de chegada à capital maranhense na madrugada desta sexta-feira (27). O velório tem início às 6h, na Casa do Maranhão, região central da cidade; e o corpo de Papete será cremado no fim da tarde.

José de Ribamar Nunes, o Papete, lidera o espetáculo. O músico já tem 40 anos de carreira e 23 discos lançados. (Foto: Divulgação/Eraldo Peres)

Músico tinha mais de 40 anos de carreira e 23
álbuns lançados (Foto: Divulgação/Eraldo Peres)

Pelas redes sociais, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) rendeu homenagens ao artista e destacou o trabalho de Papete. “Minhas homenagens ao querido cantor e compositor maranhense Papete, que nos legou uma grande e imortal obra”, escreveu. Ainda segundo o governador, haverá homenagens nesta sexta-feira e durante os arraiais nos festejos juninos do Maranhão.

Em nota, o governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur), manifestou pesar e se solidarizou com familiares.

Leia, abaixo, a íntegra da nota:
O Governo do Maranhão manifesta pesar e se solidariza com os familiares, amigos e fãs de José de Ribamar Viana, o Papete, falecido na madrugada de hoje (26), aos 68 anos.

Natural de Bacabal, Papete mudou-se para São Paulo ainda jovem, aos 18 anos. Na capital paulista foi consagrado como cantor, percussionista e compositor de reconhecimento nacional e internacional, sem nunca deixar de prestigiar a sua terra natal.

Papete deixa esposa e duas filhas, além de um legado imensurável para a cultura maranhense.

Papete morreu aos 68 anos, vítima de câncer de próstata (Foto: De Jesus/O Estado/Arquivo)Políticos e artistas destacam importância de
Papete para cultura (Foto: De Jesus/O Estado)

Outras manifestações
A ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, lamentou a perda do instrumentalista e reconheceu seu destacado trabalho pela cultura do Maranhão.

“O Brasil perde um grande artista. Músico, percussionista de fama internacional, compositor e intérprete, nos deu grandes canções e tornou inesquecível a festa junina, especialmente aqui no Maranhão. Meu amigo pessoal, hoje é um dia de muita tristeza para mim e para todos que com ele conviveram. Que Deus conforte a família, os amigos, e que Papete siga em paz.”, disse.

Artistas também lamentaram a morte de Papete e renderam homenagens ao artista. Veja, abaixo, algumas delas:

“É com muito pesar que comunico o falecimento do nosso querido amigo, músico (percussão) e compositor, Papete aos 68 anos”
Paulinho Pedra Azul, cantor e compositor mineiro

“Que Deus o tenha e conforte seus familiares, Papete”
César Nascimento, cantor e compositor

“Meu querido amigo, muito obrigado por todos os ensinamentos e pela sua amizade. O São João nunca mais será o mesmo. Grande beijo e descanse em paz”
Carlão, baterista

“Mais um ícone da música popular brasileira, maranhense de Bacabal, nos deixa e torna esta quinta-feira um tanto tristonha. Neste dia, especial, em que se comemora e celebra-se o mistério da eucaristia, rogo ao nosso Senhor Bom Deus que receba ‘Papete’ e o conduza à vida eterna. Por aqui ficaremos saudosos e o reverenciando através da sua grande obra musical”
Welligton Reis, compositor

“Obrigado Papete por tudo que você fez por mim e pela cultura brasileira! Vai fazer muita falta pra cultura do Maranhão. Hoje é um dia muito triste”
Luís Júnior, violonista

“Hoje meu por do sol mais bonito será pra Papete Viana. Esse amigo tão querido que a música me deu. Cantamos juntos, tocamos juntos. Isso não tem preço. Meu amigo, descanse em paz. Um pouco do Maranhão se vai no som dos seus tambores”
Milla Camões, cantora

“Vá em paz meu amigo”
Alê Muniz, cantor e compositor

“Vai em paz, meu amigo. Você merece todas as devidas homenagens. Grande artista e Grande pessoa”
Alberto Trabulsi, cantor e compositor

“Sem palavras aqui… Mas preciso arrumar uma forma de falar… São 30 anos de trabalho, shows, turnês, discos, horas intermináveis de studio, estrada… Não tenho como falar da minha vida musical sem falar de Papete Viana… Antes de tudo obrigado pelas lições de musicalidade, sonoridade, sofisticação e muita simplicidade… Pelas lições de vida”
Edinho Bastos, guitarrista

Trajetória
Papete nasceu em Bacabal – a 240 km de distância da capital –, e é uma das principais referências do São João do Maranhão, com canções e composições que marcaram gerações, como ‘Bela Mocidade’, ‘Boi da Lua’ e ‘Coxinho’. Seu trabalho mais destacado é ‘Bandeira de Aço’.

Papete foi reconhecido um dos melhores percussionistas do mundo, nos anos de 1982, 1984 e 1987, quando participou do ‘Festival de Jazz de Montreux’, na Suíça.

Mais recentemente, o cantor e compositor lançou um trabalho, intitulado ‘Os Senhores Cantadores, Amos e Poetas do Bumba Meu Boi do Maranhão’, que resgata a história dos cantadores de bumba meu boi do Maranhão.

 


PERSEGUIÇÃO ANTI-CRISTÃ

Pensamentos incoerentes, alucinado, neurótico por princípios intrapsíquicos que inibe conduta social, TOC, maníaco depressivo, totalmente acometido de transtorno de personalidade, creio que desde a infância…  Os chamados, vulgarmente de psicopatas, aqueles que estão em constante litígio com o bem e apresentam uma distorção de caráter ético-social; podendo ser enquadrado aqui de acordo com suas ações de CRIMINOSO… Quem sabe pela provocação de trauma psicológica?

Esta foi à maneira simplificada de entender as matérias postadas pelo Blog do Professor Sandro Lima e também da pagina do Ronald Coqueiro no face book, quanto a “mania de perseguição” que o prefeito de Pinheiro Filuca mendes e seu Filho Victor Mendes (Dep. Federal) usam para satisfazerem os seus egos e perseguir numa constante o segundo cidadão acima mencionado.

PERSEGUIÇÃO

Veja as matérias:

Prefeito de Pinheiro mostra mais desequilíbrio e ameaça bancário em grupo de Whatsap

Do Blog do Professor Sandro Lima

Postado em 21 de maio de 2016

A cada dia que passa o prefeito Filuca Mendes de Pinheiro nos surpreende com suas perolas mal lapidadas com reflexo no desequilíbrio que lhe é peculiar. Desta feita, fez diversas ameaças ao então bancário pinheirense Ronald Coqueiro no grupo de whatsap “Senadinho Online” que sedia diversas correntes da politica pinheirense.

O ódio que Filuca alimenta contra Ronald, já se transformou em perseguição,segundo o bancário a sua transferência no inicio do ano de 2012 logo após Filuca assumir a prefeitura, deu-se por pura perseguição, “porque eu era aliado do prefeito Zé Arlindo”, diz Ronald. Fato que diga-se de passagem nos três primeiros dias foram só de perseguições, a saber: a invasão da Rede TV de propriedade do ex prefeito Zé Arlindo, a ordem de derrubada de todas as casas do residencial Zé Arlindo, do residencial cidades das águas e a transferência do bancário da agencia de Pinheiro para uma agencia na capital.do estado São Luis, tirando-o de perto dos seus familiares, para cumprir um capricho doentio e pessoal seu

Filuca deixou bem claro que o seu filho o deputado federal Victor Mendes(PSD-MA) terá nessa nova presidência que chegou ao poder através do golpe imposto pelo PMDB para que  Michel Temer assumisse e através das trocas de favores, pudessem manter as amarras mal versadas pelo dinheiro publico aos que votaram a favor, como é o caso de Victor que votou a favor do impeachment da presidente afastada Dilma Roussef e terá como recompensa pela sua traição ao Lula (que veio em Pinheiro pedir votos em 2012 para Filuca) e a presidente Dilma, a chance de indicar a diretoria do BNB, segundo afirma Filuca na sua ameaça a Ronald, “mas quero dizer que provarei aqui tudo que ele (Ronald) fez pactuado com o marginal Zé Arlindo, e quiçá nesta repactuação  de cargos federais caiba ao dep Victor a indicação da diretoria do BNB”, afirmou.

Palavras baixas, chulas e de total desrespeito foram utilizadas pelo prefeito Filuca para agredir Ronald, após não gostar de um comentário feito pelo bancário respondendo uma insinuação feita pelo mesmo como: “Já acabei com a facção do BNB” que de acordo com o funcionário Ronald estas palavras teriam sido proferidas a sua pessoa o qual respondeu dizendo: “Como meu nome foi mencionado na postagem de um cretino, prefeito de Pinheiro.. farei as seguintes observações:

  1. A única facção que deve ser investigada é a de um gestor corrupto, investigado por desvios milionários, cerca de 92 milhões, na Secid quando foi secretario no governo Roseana Sarney.
    2. A juíza Dra. Tereza Cristina, mulher seria e honrada, jamais poderia ter seu nome utilizado por um prefeito condenado em pelo menos duas ações na justiça de 1° grau ( Pinheiro) por desvios de recursos públicos.
    3.O tempo que esse dipsômano perde denunciando as ações de Segurança do governador Flávio Dino poderia ser dispensado em resolver os graves  problemas de nossa cidade, que, alias, está completamente abandonada”.

Não satisfeito com as declarações enfáticas e colocadas com ódio, ainda mandou um recado muito profundo ao Ronald, “Te aguardo na comemoração como me propusestes em 2012, mas até lá te cuida” disse Filuca Mendes prefeito de Pinheiro. Veja os Prints abaixo-Conversas dos dois.

PRINTS

 

 

PRINTS II

 

PRINTS III

PRINTS IV

 

 

 

PRINST V

 

 

Facebook Ronald Coqueiro

“Nasce torto, morre torto..”

Vamos por partes.. Contarei alguns causos aqui.. Para retratar como reconto  constroem infelizes personagens (sociopatas até.) em pacatas cidades do interior, neste caso, Pinheiro.

A história da cidade de Pinheiro se confunde matriarcalmente, com a história de seus habitantes e filhos. Ora, ora, é constante ao longo de décadas, a luta para incutir na cabeça dos incautos, e deturpar a historia de quem só fez o bem para nossa cidade, transformando o mocinho em bandido e vice-versa. Nossa cidade teve grandes nomes, pessoas que contribuíram para o desenvolvimento da cidade, como o des. Elisabetho Carvalho, o exemplo do médico Costa Rodrigues, o nosso Pe. Risso e tantos outros. Essas pessoas nunca serão enaltecidas pelo sistema de comunicação do Filuca, por lá, nunca será contado o verdadeiro paradeiro das seculares portas de madeira talhada que foram roubadas da igreja matriz – tudo aos olhos do Santo Inácio – ; como fraudar o vestibular da UEMA e o concurso do Banco do Brasil, e de caráter mais juvenil, mesmo que delinquente, como “gelar” as pedras do santo bingo da festa do nosso padroeiro. Com todo esse “pedrigee”, o destino da princesa já estava traçado, rumo a desgraça e o infortúnio de seus filhos… Roubo  (descarado) dos recursos do sistema de esgoto, projeto de irrigação, projeto de criação de marrecos, e a consequente construção de um Império econômico familiar (conto detalhadamente em outro texto).. Disseminação de festas, álcool e drogas na nossa juventude e a implantação de política do MEDO. Enfim, como o diabo não é ruim pra todo mundo, ainda há quem se contente com as migalhas: um salário por mês e uma esculhambação todo dia.

COMPARTILHE ISSO:

 


othelino2304

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO MARANHÃO

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DO DEPUTADO OTHELINO NETO

DATA – 24/05/2016

  Para Othelino, o governo Temer começou muito mal, conspirando contra a democracia

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) disse, na sessão desta terça-feira (24), que o suposto “pacto” para tentar barrar a Operação Lava Jato, envolvendo o agora ex-ministro do Planejamento, Romero Jucá, foi mais uma surpresa negativa para a política brasileira. “É um governo que o ministro de manhã diz uma coisa; à noite diz outra, no outro dia um ministro diz uma coisa e depois o presidente desmente o ministro”, disse o parlamentar em relação ao governo Michel Temer.

Segundo Othelino Neto, Michel Temer é um presidente, absolutamente, refém dos acordos, dos conluios que fez para conseguir afastar a presidente da República, Dilma Rousseff (PT), e assumir, interinamente, a Presidência. “Ele é refém daquilo que há de pior na política nacional, um movimento que se organizou um verdadeiro consórcio envolvendo a grande imprensa, aqueles partidos de centro que gravitam no Congresso Nacional, siglas de oposição e parte do Judiciário”, afirmou.

O ministro do Planejamento, Romero Jucá, anunciou, na segunda-feira (23), afastamento do ministério. Ele disse que enviará um pedido de manifestação ao Ministério Público Federal, a fim de que o órgão avalie se cometeu algum tipo de crime em relação às conversas gravadas entre ele e o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado.

Na tribuna, Othelino Neto afirmou que o governador Flávio Dino alertou há um mês de que quem fosse a favor da operação Lava Jato não deveria ser a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff, porque este movimento para afastá-la estava justamente implícito nele e era parte principal acabar, dar fim à operação Lava Jato. “Eis que rapidamente, talvez passassem anos, décadas para que nós descobríssemos nos detalhes desnudar esta trama. Cai agora por terra rápido como seria, como era o modus operandi para cassar a presidente”, analisou.

Para Othelino, o governo Temer começou muito mal, conspirando contra a democracia e agora é uma gestão que vive de conluio e que, a cada dia, vai gerar uma crise nova. “Infelizmente, quem vai sofrer as consequências é a população do Brasil, é a imagem do Brasil já abalada”, frisou.


DINO -ACOES-SEGURANCA-500x281

www.ma.gov.br/

O governador Flávio Dino pronunciou-se na manhã desta sexta-feira (20) sobre os episódios de incêndios criminosos a ônibus registrados em São Luís. Ele garantiu que o sistema de segurança do Governo está totalmente mobilizado para garantir a paz e evitar qualquer tipo de ocorrência, especialmente no período da noite. “Nós estamos neste momento com a cidade em absoluta normalidade porque há essa mobilização. E nós estamos prontos exatamente a continuar aquilo que temos feito”, destacou.

O Governador convocou dirigentes do sistema de segurança pública e penitenciária ainda na madrugada, e imediatamente providências foram tomadas no que se refere à identificação dos mandantes da determinação criminosa. Foto: Karlos Geromy/Secap

O Governador convocou dirigentes do sistema de segurança pública e penitenciária ainda na madrugada, e imediatamente providências foram tomadas no que se refere à identificação dos mandantes da determinação criminosa. Foto: Karlos Geromy/Secap

Flávio Dino reuniu com dirigentes do sistema de segurança pública e penitenciária ainda na madrugada, e imediatamente providências foram tomadas no que se refere à identificação dos mandantes da determinação criminosa. “Eu quero pedir à população muito especialmente, que não leve em conta boatos, mensagens falsas, porque essa é uma estratégia, inclusive desses grupos criminosos, quando eles buscam criar uma instabilidade na ordem pública eles se utilizam muito especialmente do WhatsApp”, enfatizou.

De acordo com Flávio Dino, o Governo está com todo o efetivo da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, com engajamento da Guarda Municipal, com a colaboração determinada pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior. “Quero garantir a população que vamos vencer essa etapa, e que a cultura da paz vai vencer, que as pessoas de bem podem ter a tranquilidade que nós vamos, progressivamente, com a autoridade da lei, garantir que essas organizações criminosas deixem de atuar como infelizmente vem atuando há muitos anos no Maranhão”, ressaltou.

O governador reiterou também que o Governo tem uma atuação clara e determinada de enfrentamento ao poder das organizações criminosas, tanto que não se registrava uma ocorrência desse tipo há 17 meses. “Nosso Governo está tomando todas as medidas para retomar a autoridade do Estado sobre o sistema penitenciário e garantir paz nas ruas no que se refere a esse tipo de ocorrência”, explicou.

Ele esclareceu, ainda, que o comando para os ataques foi emitido por uma das gangues que comandam o Maranhão há décadas, mas que houve uma atuação imediata do sistema policial, frustrando outras ocorrências e culminando na prisão em flagrante de pessoas portando instrumentos que foram usados na prática de crimes, alguns destes, inclusive, já haviam participado, ainda no governo passado, em 2013 e 2014, deste tipo de ataque. “Aproximadamente são oito presidiários, integrantes de uma facção, envolvidos diretamente nesta ocorrência”, informou.

Avanços na segurança

O governador Flávio Dino citou também os esforços que vem sendo realizados para recuperar a autoridade do Estado na área da segurança pública. Ele realçou as ações para garantir maior eficácia, como a incorporação de 1500 novos policiais, novas viaturas e novas armas, além da organização do sistema penitenciário. “Nós, muito recentemente, tivemos o fato histórico de um ano sem nenhum homicídio no sistema penitenciário. Isso mostra exatamente que nós estamos recuperando a autoridade do estado que estava degradada”, frisou.


forcanacional

Governador Flávio Dino confirma embarque da Força Nacional (Foto: Reprodução/Twitter/Flávio Dino)

Lawrence Melo Pereira confirmou a data da chegada do reforço.
Pedido foi feito pelo governador Flávio Dino após ataques a ônibus.

Maurício ArayaDo G1 MA

A Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) deve chegar ao Maranhão nesta segunda-feira (23), conforme afirmou ao G1 na manhã deste domingo (22) o delegado-geral de Polícia Civil do Maranhão, Lawrence Melo Pereira. No fim da manhã, o governador Flávio Dino (PCdoB) confirmou pelas redes sociais o embarque dos homens da Força Nacional em Gama (DF), e agradeceu o apoio do Ministério da Justiça. Ao todo, são 128 agentes. O deslocamento é feito em 20 viaturas, um micro-ônibus e um ônibus.

Desde as primeiras horas de domingo, policiais militares, civis e bombeiros reforçam a segurança em pontos estratégicos dos quatro municípios da Região Metropolitana de São Luís (MA), onde foram registrados incêndios e ataques que resultaram em ônibus totalmente ou parcialmente incendiados.

Políciamento é reforçado nas ruas e dentro dos coletivos (Foto: Karlos Geromy)Políciamento é reforçado nas ruas e dentro dos
coletivos (Foto: Karlos Geromy)

Após dias de medo e violência, usuários e trabalhadores do sistema de transporte público experimentaram algumas horas de tranquilidade na capital maranhense. Os ônibus voltaram a circular na manhã deste domingo.Na noite desse sábado (21), eles haviam sido recolhidos às garagens das empresas pelos motoristas, mesmo sem orientação dos sindicatos dos rodoviários e dos empresários.

De quinta-feira (19) a sábado, foram 14 ataques consolidados e tentativa de ataques a ônibus cometidos. Do total, foram seis casos de coletivos totalmente queimados e outros oito tentativas frustradas ou com veículos parcialmente destruídos neste período. Na tarde de sábado, comerciantes fecharam as portas com medo das ameaças de criminosos disseminadas na comunidade do Coroadinhoquarta maior favela do país e a primeira do Norte e Nordeste, segundo o IBGE –, em São Luís.

Em 48h, foram 14 tentativas e ataques a ônibus registrados em São Luís (Foto: Biaman Prado/O Estado)Em 48h, foram 14 tentativas e ataques a ônibus registrados em São Luís (Foto: Biaman Prado/O Estado)

Na manhã deste domingo, o governo do Maranhão se reúne com a direção do sistema de segurança pública, representantes da Prefeitura de São Luís, sindicatos dos rodoviários e empresários para adotar novas medidas de segurança.

Fogo em pneus
Na noite desse sábado, o Batalhão Tiradentes da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) prendeu um suspeito que atearia fogo a pneus na avenida Jerônimo de Albuquerque, na altura do bairro do Vinhais, em São Luís. À equipe da PM-MA, o suspeito afirmou que não faria um atentado, mas sim um protesto contra a violência.

Batalhão Tiradentes evita queima de pneus em avenida de São Luís (Foto: Divulgação/PM-MA)Batalhão Tiradentes evita queima de pneus em avenida de São Luís (Foto: Divulgação/PM-MA)

“É, no mínimo, esquisito uma pessoa sozinha tocar fogo em vários pneus próximo à um posto de gasolina para protestar contra violência”, disse ao G1 o coronel Marques Neto, comandante do Batalhão Tiradentes. O suspeito foi encaminhado ao 4º Distrito Policial (DP) do Vinhais, para prestar esclarecimentos. O caso será investigado pela Polícia Civil.


Fã de Ana Hickmann invade, armado, hotel onde estava a apresentadora e acaba morto em briga, em Belo Horizonte (Foto: Reprodução/Instagram)

Fã Rodrigo Augusto, morto em Belo Horizonte, usava perfil no Instagram para declarar amor à apresentadora Ana Hickmann (Foto: Reprodução/Instagram)

Segundo a PM, o homem armado se envolveu em briga com o cunhado.
Mulher do cunhado, que é assessora de Ana, foi baleada.

Do G1 MG

Um homem foi morto após ameaçar a apresentadora de televisão Ana Hickmann na tarde deste sábado (21), no hotel em que ela estava hospedada na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. O cunhado da apresentadora, Gustavo Correa, irmão do marido Alexandre Correa, é suspeito de matar a tiros o suposto fã durante uma briga. A mulher do cunhado, que também é assessora, foi baleada. O fã estava armado.

As primeiras informações da ocorrência davam conta de uma possível briga de casal, com uma mulher ferida e um homem morto por outro homem. No primeiro momento, as relações entre eles não foram esclarecidas pela polícia. Depois, a polícia disse que o fã teria invadido o hotel, mas durante entrevista coletiva, por volta das 18h40, a PM confirmou que ele estava hospedado.

Ana Hickmann festeja título da Vai-Vai na quadra da escola (Foto: Raul Zito/G1)Ana Hickmann, no carnaval de 2011
(Foto: Raul Zito/G1)

Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Militar, o homem armado entrou no hotel e abordou Gustavo Correa. O suposto fã o obrigou a levá-lo até o quarto da apresentadora. Dentro do quarto ficaram Ana Hickmann, Gustavo e sua mulher, que é assessora para moda, Giovana Oliveira, além do homem.

Neste momento, ele os obrigou a ficarem de costas. Gustavo, segundo a PM, resistiu. O fã, então, disparou a arma, atingido dois tiros em Giovana, um no ombro e outro na barriga. Com os disparos, Gustavo entrou em luta com o atirador e o conseguiu desarmar. Ainda segundo a PM, o cunhado teria atirado na sequência.

O capitão Flávio Santiago, chefe da sala de imprensa da Polícia Militar, disse em entrevista coletiva que o próprio cunhado da apresentadora entregou a arma na recepção do hotel e pediu para que chamassem a polícia. “Ele [Gustavo] atesta que, nesta luta corporal, há os três disparos, ele vê que o cidadão cai ao solo. Ele pega a arma, desce de imediato e entrega esta arma para a portaria do hotel e avisa ‘Olha, tem um cidadão lá, que atentou contra a nossa vida, chama a polícia”, disse capitão Santiago.

Giovana foi socorrida ao Hospital Biocor. A unidade de saúde disse que o quadro dela é estável. Por telefone, a assessora de imprensa de Ana Hickamnn disse que a apresentadora está bem. “A Ana está muito abalada, mas está bem”, disse Fabiana. A assessora informou que uma nota será divulgada posteriormente.

O suspeito foi identificado como Rodrigo Augusto de Pádua. O irmão dele, Helisson de Pádua, chegou ao hotel no início da noite deste sábado e, muito emocionado, falou sobre o irmão. Segundo ele, foram descobertas mensagens de Rodrigo onde ele dizia que se correspondia por textos com a apresentadora. Helisson contou que, ultimamente, o irmão, que mora em Juiz de Fora, na Zona da Mata de Minas Gerais, estava mais recolhido ao quarto.

No perfil que Rodrigo mantinha no Instagram, todos os post eram relacionados à apresentadora, a quem o fã dizia amar.

Por volta das 17h15, o hotel Caesar Business divulgou uma nota sobre o ocorrido. Segundo o hotel, a apresentadora seria a vítima do suposto fã. “A rede Caesar Business confirma que a apresentadora Ana Hickmann foi vítima de um suposto fã na tarde desse sábado, 21 de maio, na unidade Belvedere, em Belo Horizonte. A apresentadora passa bem. O hotel lamenta ter sido local do ocorrido e afirma que está contribuindo para as investigações junto ás autoridades”, disse o comunicado.

 


DIALOGO POR PINHEIRO

O pré-candidato a prefeito de Pinheiro, Leonardo Sá, anunciou, durante entrevista no programa “A Hora da Verdade”, que fará o evento “Diálogos por Pinheiro”, no próximo dia 4 de junho, às 9h na sede da Colônia de Pescadores do município.

O evento promete entrar para a história de Pinheiro e vai contar com a reunião de oito partidos, representados por pré-candidatos e lideranças partidárias, a exemplo do vice-presidente da Assembleia, deputado Othelino Neto (PCdoB) e do secretário de Articulação Política e Comunicação, Márcio Jerry, que é o presidente estadual do PCdoB.

APA 451

Leonardo destacou que o principal objetivo do evento é o de oferecer à população uma nova alternativa no modo de se fazer política, com a priorização da participação popular. “Ninguém antes em Pinheiro pensou em escutar a população. Estamos trazendo uma novidade para a nossa cidade, já feita por nosso partido, durante a pré-campanha do governador Flávio Dino, que percorreu o Maranhão inteiro ouvindo as pessoas e sabendo o que elas queriam para, a partir daí iniciar a verdadeira mudança no estado”, disse.

Além disso, o pré-candidato, que é presidente municipal do PCdoB em Pinheiro, diz que pretende fazer um verdadeiro raio-x das problemáticas da cidade. “A população precisa ser ouvida, consultada sempre. É preciso fazer um verdadeiro raio-x das necessidades de nossa gente para podermos elaborar um Plano de Governo realmente com a participação popular, voltado para necessidades específicas e urgentes. Só assim conseguiremos realizar a verdadeira mudança em nossa cidade”, finalizou.


10325233_730147703702018_5374651334880693811_n

Fonte/ Blog do Neto Ferreira

O Ministério Público Federal juntamente com a Polícia Federal do Maranhão investigam várias prefeituras e pessoas físicas ligadas às Administrações Municipais. O pedido foi feito pela procuradora Regional da República, Valquíria Oliveira Nunes, com base no relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF).

Entre as gestões que são investigadas estão as de Chapadinha, Codó, Cajapió, Itapecuru-Mirim, Mirinzal, Pinheiro, entre outras, segundo documento obtido com exclusividade pelo Blog do Neto Ferreira.

No documento, há também empresas ligadas às Prefeituras, que são a A 4 Entretenimentos, A.J.F Júnior Batista Vieira -ME, VCR Produções e Publicidades, Escutec Pesquisas de Mercado e Opinião Pública, e demais instituições.

Em sua solicitação, a procuradora afirmou que alguns municípios foram beneficiados por repasses de verbas federais. “Desse modo, oficie à Superintendência da Polícia Federal no Estado do Maranhão, requisitando a instauração de inquérito policial para apurar eventual prática de crimes contra o Erário”, requereu Valquíria Oliveira Nunes.

Esse ofício está inserido nos autos do processo que deu origem a Operação Attalea, deflagrada em outubro de 2015, pela Polícia Federal. Ação foi motivada por denúncias de desvios de verbas federais na Prefeitura de Anajatuba, através de empresas fantasmas, que também prestavam serviços para às Administrações Públicas acima mencionadas.

Veja abaixo a lista completa das Prefeituras, empresas e pessoas físicas listadas pelo Coaf, que supostamente cometeram irregularidades de movimentações financeiras atípicas:1

2

3


othelino presidencia

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO MARANHÃO

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DO DEPUTADO OTHELINO NETO

DATA – 17/05/2016

 

 Na tribuna, Othelino disse que fez questão de ler o editorial do Jornal Pequeno para enfatizar esse momento histórico

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) repercutiu, na sessão desta terça-feira (17), novamente, a histórica licitação do transporte público que está ocorrendo em São Luís, apesar dos empresários terem tentado bloquear o certame na Justiça. O parlamentar leu um trecho do editorial do Jornal Pequeno para enfatizar a importância dessa concorrência, deste momento na história de São Luís, em especial para cerca de 700 mil usuários do sistema de transporte público.

O jornal diz que “um fato histórico se pronunciou em São Luís, nos últimos dias, e com ele carregou definitivamente para a história desta capital o prefeito Edivaldo Holanda Júnior”. Segundo o matutino, trata-se da licitação dos transportes públicos, o que alguns parecem encarar como medida corriqueira da administração, mas que, para o caso de São Luís e de muitas cidades do Nordeste, reúne décadas de aspirações, projeções e reivindicações engolidas a seco pela população.

“É um ato administrativo que, antes de tudo, precisou reunir coragem, determinação e, principalmente, vocação política transparente e honesta do prefeito para o aporte de grandes decisões no atendimento das demandas sociais do povo. O mundo capitalista conhece as dificuldades e reticências quando se trata de combater monopólios assentados em qualquer cidade, em qualquer país”, diz um trecho do editorial.

Segundo o jornal, não se trata de nenhum exagero de retórica dizer que a pressão dos empresários reduziu o sistema de transporte em São Luís a um vergonhoso padrão de qualidade, quando esta licitação finalmente chegar à fase de apresentação e análise de propostas. “Estamos vencendo décadas de uma concessão precária operada com olho exclusivamente nos lucros e nenhuma preocupação com a dignidade dos usuários e contribuintes”, frisa o matutino.

Na tribuna, Othelino disse que fez questão de ler o editorial do Jornal Pequeno para enfatizar esse momento histórico onde a população de São Luís ganha e onde os arrogantes empresários dos transportes públicos de São Luís tentaram barrar, em via judicial, de forma absurda, a licitação do transporte. “Mas não conseguiram. A licitação está ocorrendo e, em pouco tempo, estará concluída e aí a população de São Luís vai poder ser mais bem servida, utilizar um serviço de transporte público de qualidade. O prefeito Edivaldo merece  os nossos cumprimentos por não se render e por fazer ir para frente este certame”, finalizou.