Colegas de farda e familiares do sargento na frente do  HPS Dr. João Lúcio Pereira em busca de informações

Um bandido morreu e o sargento da Polícia Militar Leite Maia, lotado na 22ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foi atingido com um tiro no rosto, por volta das 13h30 desta quarta-feira, 11.

O policial foi baleado durante tiroteio que teve início logo depois da abordagem a um micro-ônibus executivo da linha 848, onde os passageiros estavam sendo assaltados por dois homens armados com revólveres.

O micro-ônibus voltava do Centro da cidade e trafegava pela Avenida principal da Comunidade do Parque São Pedro, bairro do Tarumã, quando os bandidos anunciaram o assalto e começaram a recolher pertences dos passageiros.

O motorista conseguiu avisar à Polícia Militar e a guarnição que estava mais próxima foi enviada para do local do assalto.

Assim que os policiais militares abordaram o micro-ônibus, os assaltantes começaram a atirar contra a guarnição e o sargento foi atingido no rosto, e no revide um dos assaltantes também foi baleado e morreu ao lado da porta de entrada do micro-ônibus.

O segundo assaltante conseguiu descer do ônibus atirando e fugiu do local deixando o comparsa abatido para trás.

O sargento Leite Maia foi socorrido e levado direto para o Hospital e Pronto-Socorro Dona Dephina Aziz Abdel em estado grave e logo em seguida foi transferido em uma ambulância para o o Hospital e Pronto-Socorro Dr. João Lúcio Pereira.

Às 15h a informação que havia indicava que o sargento PM continuava vivo e estava sendo operado no Centro Cirúrgico.

Equipes de policiais militares das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) e da Força Tática foram deslocadas para a comunidade do Parque São Pedro e continuam tentando localizar e prender o assaltante que conseguiu fugir.O bandido morto na troca de tiros com os policiais da 22ª Cicom, foi retirado de dentro do micro-ônibus e removido do local pela equipe do Instituto Médico Legal (IML).

 

Foto: Divulgação: Portal do Zacarias