Foto: Divulgação

O cadáver foi jogado em um pequeno barranco às margens da rodovia

Um homem com idade aproximada de 30 anos, enrolado em uma rede, estrangulado, foi encontrado na manhã desta quarta-feira, jogado em um barranco de pouca profundidade no quilômetro 38 da rodovia AM-010, nas proximidades da granja “Minha Moça”. Manaus.

O cadáver devia estar no local há pelo menos dois dias e já começava a entrar em decomposição, de acordo com perito do Instituto de Criminalística e de policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que chegaram ao local por volta das 10h30 da manhã.

Moradores da área encontraram o corpo (Foto: Divulgação)

Havia marcas de espancamento no corpo do homem, de cabelos encaracolados, escuros, cortados em estilo militar, com várias tatuagens com figuras de dragão, trajando apenas uma bermuda e uma camisa de meia de cor clara, informou um dos investigadores da DEHS.

Moradores de ramais e de comunidades das margens da rodovia AM-010 foram os primeiros a encontrar o corpo do homem, no começo da manhã. O homem foi enrolado em uma rede e os assassinos fizeram uma espécie de pacote, amarrando a vítima com fios elétricos.
O cadáver foi removido do local e até o começo da tarde ainda não tinha qualquer identificação.


Foto: Divulgação

O cadáver foi encontrado por moradores que chamara a polícia logo em seguida

Um homem de aparência bem jovem, que a polícia acredita ser um adolescente, foi encontrado morto por estrangulamento, dentro de uma mala no final da Rua Sena, bairro do João Paulo II, Zona Leste de Manaus.

Assim que o dia começou a clarear, por volta das 5h30 desta segunda-feira, os primeiros moradores que saíam de suas casas para trabalhar se depararam com a mala e dentro dela estava o cadáver com as pernas e os pés para o lado de fora.

A mala foi amarrada com fios elétricos, e assim que foi aberta, os policiaisi da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) e os peritos do Instituto de Criminalística (IC) também constataram muitos sinais de espancamento na vítima.

No final da rua existe uma pequena área de mata e durante a madrugada, comentaram os moradores, quase sempre alguns usuários de drogas se reúnem no local para consumir entorpecentes e bebidas alcoólicas.

O homem não foi reconhecido por ninguém que estava no local, não tinha nenhum documento de identificação pessoal e depois do exame pericial foi removido pela equipe do Instituto Médico Legal (IML).

Com informações: Portal do Zacarias


Foto: Divulgação

o cadáver tinha perfurações de tiro e de faca segundo informação da polícia

Um corpo do sexo masculino, com perfurações de bala, golpes de faca no peito, pescoço, cabeça e tórax, foi encontrado enterrado em uma cova rasa na área de mata que fica por trás do conjunto habitacional Viver Melhor, primeira etapa, no bairro de Santa Etelvina, Zona Norte de Manaus.

Os pés do homem estavam amarrados com um pedaço de corda e o corpo teria sido levado para o local, durante a madrugada, por um grupo de homens que teria chegado em uma Hilux, que saiu do local por volta das 03hs da madrugada, de acordo com relatos de alguns moradores.

Assim que a tarde começou, pessoas que moram mais próximas do local se reuniram, entraram no matagal e descobriram o corpo que estava bastante encharcado de barro, devido a forte chuva que caiu na cidade durante quase todo o período da manhã, principalmente nas Zonas Norte e Leste.

Equipes da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Perícia Técnica e Científica, Corpo de Bombeiros e uma guarnição da Polícia Militar trabalharam na área de mata de difícil aceso para a retirada do cadáver do homem desconhecido, que posteriormente foi levado para o Instituto Médico Legal IML.

 


“Marreta” teria sido torturado antes de ser alvejado e morto a tiros

O traficante de drogas identificado até o momento apenas com o apelido de “Marreta”, foi executado a tiros e seu corpo encontrado ao amanhecer desta quarta-feira, na carroceria de um carro picape D-20 que está fora de uso e abandonada na Rua Barcelos, bairro da Praça 14 de Janeiro, Zona Centro-Sul de Manaus.

Informações repassadas para a polícia no local por moradores revelaram que “Marreta” sempre esteve ligado ao tráfico de drogas, roubos e outros crimes, por isso era considerado de alta periculosidade. Como também tinha muitos inimigos tão perigosos quanto ele e estava jurado de morte, disse um morador.

As primeiras pessoas que viram o corpo de “Marreta” na carroceria do carro abandonado chamaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que enviou uma equipe mas logo veio a confirmação da morte do bandido.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) está investigando o crime.

 

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES!

 

 


Ele levou tiros no rosto e estava com uma corda enrolada no pescoço.
Francisco da Silva OliveBALAira, de 36 anos, tinha seis filhos.

O corpo de um homem identificado como Francisco da Silva Oliveira, de 36 anos, foi encontrado neste domingo (2) por moradores do bairro Santa Clara, em São

Foto- Ilustrativa

Luís. Ele levou quatro tiros no rosto e estava com uma corda enrolada no pescoço.

Segundo informações de testemunhas, o homem teria sido levado por volta das 2h da madrugada por um carro. Logo depois foram ouvidos disparos.

A polícia vai investigar se o homicídio tem alguma relação com o tráfico de drogas, já que é um tipo de crime muito comum no bairro.Francisco da Silva Oliveira era bastante conhecido na região, trabalhava como eletricista e deixa seis filhos.


Saco estava em um canteiro da Praça da Bíblia, às margens da rodovia.
Vítima foi identificada como Uígleson Pablo, que havia sido preso dias antes.

Do G1 MA, com informações da TV Mirante

 O corpo de um homem foi encontrado dentro de um saco nesta sexta-feira (24), na BR-010, em Açailândia, no Maranhão. O saco com o cadáver estava em um canteiro da Praça da Bíblia, às margens da rodovia federal. O local tem movimentação intensa durante a noite.

Agentes de uma funerária da cidade recolheram com o corpo. Segundo informações da polícia, o corpo é de Uígleson Pablo. Ele era usuário de droga, praticava furtos e há poucos dias havia sido preso.

Familiares da vítima serão chamados a prestar depoimento na delegacia (veja a reportagem no vídeo acima).