Foto: Divulgação

As irmãs foram condenadas pela participação de um traficante em dezembro de 2017

Policiais da Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai) apreenderam na manhã da última sexta-feira, 5, duas irmãs, de 19 e 15 anos, em cumprimento a mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça do Amazonas, em razão de sentença condenatória por crime de homicídio.

O crime foi cometido na tarde do dia 3 de dezembro de 2017, por volta das 16h, no Conjunto Residencial Viver Melhor, bairro de Santa Etelvina, Zona Norte de Manaus. As irmãs participaram do assassinato de um homem conhecido como “Balotelli”, que era envolvido com o tráfico de drogas e pertencia a uma facção criminosa.

A vítima foi decapitada. O corpo de “Balotelli” foi encontrado em um balneário daquela região, e a cabeça dele teria sido encontrada em uma das quadras do Viver Melhor. As rmãs também pertenciam a uma fação criminosa que atua no Conjunto Viver Melhor e ajudaram na morte de “Balotelli”, que foi encomendada por um traficante da área.

A mais velha das irmãs atraiu o traficante para o local onde foi assassinado

A irmã mais jovem também ajudou na cilada que resultou na morte do traficante  (Fotos: Divulgação) 

De acordo com a delegada Elizabeth de Paula, titular da DEAAI, na época do crime as irmãs atuavam como “soldadinhas do tráfico”. Elas foram presas na última sexta-feira, na casa onde moravam, situada na Rua Macaúba, segunda etapa do Conjunto Viver Melhor, bairro Lago Azul, Zona Norte de Manaus.

A ordem judicial em nome delas foi expedida no dia 14 de março deste ano, pelo juiz Eliezer Fernandes Júnior, do Juizado da Infância e da Juventude Infracional (Jiji)”, informou Elizabeth de Paula. As irmãs irão responder por ato infracional análogo ao crime de homicídio, destacou a delegada Elizabeth de Paula.

Após os procedimentos na Delegacia Especializada, as irmãs condenadas foram encaminhadas ao Centro Socioeducativo de Semiliberdade, situada na alameda A do Conjunto Álvaro Neves, segunda etapa do bairro Dom Pedro, onde irão cumprir medidas socioeducativas.

Fonte: Portal do Zacarias


Foto: Reprodução

Dê só uma olhada no que dá mexer com mulher de traficante.

Depois dessa, tenho certeza de que o “gordinho” não vai mais “talaricar” ninguém.

Na gíria dos “manos”, talaricar “quer dizer dar em cima do namorado da amiga ou da namorada do amigo. Ficar com alguém que namora”.

Onde foi? No Whatszap estão dizendo que foi no bairro da Compensa, em Manaus, mas pode ser “fake news”.

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES!

 


Guerra entre traficantes de drogas  continua sangrenta : Foto /Divulgação)

O usuário de drogas Leonardo Uchoa Oliveira, 19, foi assassinado com dez tiros de pistolas no começo da madrugada desta terça-feira, 23, por um grupo de homens que invadiu sua casa na Rua Projetada 4, bairro de Santo Agostinho, Zona Oeste de Manaus.

 

A porta dos fundos do imóvel foi arrombada com chutes e tiros na fechadura segundo um dos membros da família do rapaz assassinado. Ele também foi ameaçado de morte, mas foi poupado pelos criminosos quando um deles confirmou que Leonardo já estava morto.

 

Um dos vizinhos de Leonardo relatou aos policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) que os autores do crime chegaram ao local em um carro Fiat Siena.

 

Os três já desceram do veículo empunhando armas de fogo.

 

Um perito do Departamento de Polícia Técnica e Científica (DPTC) examinou o corpo e revelou que os tiros atingiram a cabeça, peito, abdômen e as costas do usuário de drogas.

Uma investigação foi iniciada na DEHS e o nome de pelo menos um traficante que vinha ameaçando Leonardo de morte foi repassado aos policiais.


A Polícia Militar de Apicum-Açu conseguiu tirar de circulação vários indivíduos acusados de tráfico de drogas, em Apicum-Açu, segundo a Polícia na última terça-feira (27), por volta das 17:40 conseguiu a prisão de uma quadrilha que estaria em Apicum-Açu supostamente para o cometimento de crimes.

A Polícia Militar de Apicum-Açu informa que na última sexta-feira (23), do corrente mês receberam informações dando conta  que no bairro Morro na cidade de Apicum-Açu haviam três elementos que supostamente seriam foragidos da Unidade Prisional de Ressocialização de Pinheiro (UPR). Ainda segundo a Polícia havia a suspeita que os indivíduos estariam planejando um assalto na rede bancária do município.

Diante dessa suspeita a Polícia começou a fazer campana na tentativa de localizar os suspeitos.  Por volta das 17:40  de ontem (27), após estarem em campana desde as 13:00hs a Polícia conseguiu prender todos os suspeitos dentro de uma residência aonde funcionava como ponto de venda de drogas ilícitas e esconderijo para os mesmos. Após levantamento feito com auxílio da Polícia de Pinheiro foi constatado que todos já tinham passagem por furto, assalto e que Sandro que inicialmente havia dado o nome de Thiago de Jesus Sodré tinha contra si um mandado de prisão da comarca de Bacuri e que esse estava ameaçando de morte o Cabo Renato daquele destacamento assim como a Juíza da comarca de Bequimão.

Diante dos fatos ficou constatado se tratar de um elemento de alta periculosidade, informações ainda dão conta que o elemento identificado como Sandro havia tentado fugir do quartel pulando o muro mais foi capturado momento depois.

A Polícia informa ainda que realizaram busca na residência e no quintal dos acusados onde foi encontrado uma certa quantidade de substância análoga à maconha e crack além de três aparelhos de celular. A Polícia tinha informações de que no quintal da casa existia armas enterrada, foram realizada diversas busca cavando o quintal porém sem êxito, todos foram apresentados na Delegacia de polícia de Apicum-Açu para as providências cabíveis.

MATERIAIS APREENDIDOS

Um celular LG dourado; Dois celulares Samsung branco; 9 buchas de maconha; Um pedaço de maconha prensada;
uma pedra de crack tamanho médio; 12 petecas de crack e R$ 13,00 em dinheiro em notas de 5 e 2.

ACUSADOS

Jorge Maycon Carvalhal Oliveira, 28 anos, Pescador, residente na Av Tancredo Neves, s/n centro Apicum Açu- MA

Sandro da Hora Rodrigues, 22 anos rua 02 de abril, cidade olímpica, São Luís MA; Luciano de Jesus Souza Nascimento, 18 anos rua ministro Sarney Filho, 14 Alto do Calhau Vila Conceição , São Luís MA; J F, 17 anos Av 02 s/n Cidade Olímpica São Luís MA; Valberlucia Silva Capim, 19 anos rua Padre Antônio Nunes s/n Campinho Bacuri MA

GUARNIÇÃO

Sargento Edinaldo; Soldado Valdson; Soldado Luís e Soldado Viegas.

Fonte: Icururupú


Dois homens não identificados executaram com pelo menos dez tiros, o traficante de drogas, Leandro da Costa Oliveira, 25, vulgo “Leandrinho”, por volta das 17h30 de ontem, sábado, 24, quando ele alugava uma casa na Rua Tomada, bairro do Parque Dez de Novembro, Zona Centro-Sul de Manaus.

O traficante saiu há poucos dias da cadeia depois de ser beneficiado com o sistema de regime semiaberto. Segundo informações da polícia o dono do imóvel que “Leandrinho” pretendia alugar estava aos seu lado no momento que os pistoleiros apareceram disparando os tiros e que ele também foi atingido com quatro tiros e encontra-se em estado grave no Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto.

Marcos “Cabeludo”, pai de “Leandrinho”

também é traficante  de drogas

O traficante de drogas seria um dos líderes das facções que atuam no bairro do Mutirão Amazonino Mendes , Zona Norte e no bairro do Tancredo Neves, Zona Leste, tendo como principal sócio, o seu pai, Antônio Marcos Pereira Capucho, o “Marcos Cabeludo”, acusado ainda de ser mandante de vários assassinatos de inimigos no tráfico.

Para a polícia não resta dúvidas que o assassinato de “Sandrinho” tratou-se de um acerto de contas entre lideranças de facções e como forma de vingança pelo fato de pai e filho serem mandantes de várias execuções, crimes pelos quais os dois já vinham respondendo na Justiça, além das acusações de tráfico de drogas.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros já está investigando o crime e os peritos do Instituto de Criminalística (IC) da Polícia Civil, recolheram todas as cápsulas dos projéteis disparados contra “Leandrinho”, comprovando que as armas usadas foram pistolas 9 milímetros, de uso exclusivo das Forças armadas e Polícia Federal.

 

Fotos: Divulgação Portal do Zacarias


Dando continuidade às ações de combate ao tráfico de drogas na região metropolitana, a Polícia Civil, por intermédio da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico – Senarc, prendeu, na noite da última segunda-feira (19), Marcio Aurélio Marques Silva, (42 anos), conhecido por MARCINHO e Antônio José De Sousa (36 anos), conhecido por GALEGO, pelos crimes de tráfico ilícito de drogas, associação para o tráfico, posse ilegal de arma de fogo de uso permitido.

A ação policial ocorreu em decorrência de investigação, dando conta que os conduzidos estavam armazenando e comercializando entorpecentes nas suas residências, localizadas na São Sebastião, Jota Câmara, São José de Ribamar e na rua 10, bairro São Cristóvão, São Luís.  Com o suspeito “MARCINHO”, foram apreendidos 08 (oito) tabletes de CRACK, bem como 5 (cinco) munições cal. 38, e demais apetrechos utilizados no tráfico de drogas. Em continuidade às diligências policiais, equipes da Senarc conseguiram efetuar a prisão de Antônio Jose, com o qual foram arrecadados 04 (quatro) tabletes de crack, 02 (dois) tabletes de pasta base de cocaína, 04 (quatro) pacotes de tamanhos variados e 02 (dois) recipientes contendo COCAÍNA, além de um revólver, marca rossi, calibre 38, com uma munição do mesmo calibre, uma pistola, cal. 22 e 81 munições cal. 22, bem como diversos apetrechos utilizados para preparar e embalar o material entorpecente. Ademais, foram aprendidos os seguintes veículos:

  1. a) Ranger, placa KHI 9941/PE;
  2. b) máquina agrícola tipo trator;
  3. c) corsa branco, placa NXD 2836 e
  4. d) veículo ssangyong actyon, placa nwz 5644, todos de propriedade de galego.

Ressalta-se que, GALEGO responde a vários processos criminais, tendo sido preso em 2008, pela Polícia Federal, com 300Kg de maconha, além de responder processo por tráfico de drogas no Pará e responder por pratica de crimes de receptação de veículos roubados na Comarca de São Luís/MA. Após os trabalhos policiais, todos foram encaminhados à sede da Senarc, onde foram autuados em flagrante delito pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico, bem como posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Após adoção dos procedimentos legais e de praxe, os conduzidos foram encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ficarão à disposição do Poder Judiciário.

Por: Ascom SSP


“Peixe” era acusado de traficar drogas no bairro onde morava há muitos anos

O traficante de drogas Roberto Santos da Costa, 33, conhecido como “Peixe”, foi executado com sete tiros de pistola calibre 9 milímetros na noite desta quarta-feira, quando comercializava porções de entorpecentes na Rua Ituarana, no bairro Amazonino Mendes, conhecido como Mutirão, Zona Norte de Manaus.

Três homens desconhecidos chegaram ao local em um carro Gol, preto, placa não identificada, e abordaram “Peixe”, que ainda tentou correr, sabendo que o trio estava ali para executá-lo, mas não deu tempo e o traficante foi assassinado friamente, de acordo com as testemunhas.

Moradores da rua ainda telefonaram para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, mas de nada adiantou porque a morte de Roberto foi instantânea com tiros que atingiram sua cabeça, peito, costas no tórax, como foi confirmado por peritos do Instituto de Criminalística.

 

Os autores do crime deixaram o local logo em seguida. Uma equipe de patrulhamento da 6ª Companhia Interativa Comunitária tentou localizar os assassinos mas não aconteceu nenhuma prisão.

 

O corpo do traficante foi retirado do local do crime pela equipe do IML. O crime está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros.

 


As Polícias Civil e Militar, em operação conjunta, visando combater o tráfico de entorpecentes na Cidade de Cururupu-MA, realizaram na manhã deste domingo (29), uma ação sob a coordenação do Delegado Adriano Trinta e do Tenente Breno, policiais da Delegacia de Cururupu e do 25° Batalhão de Polícia Militar, dando cumprimento a dois Mandados de Busca e Apreensão expedidos pelo Juízo local.
Assim foram feitas diligências aos locais, em uma Barbearia e também em um Comércio localizados no Bairro Areia Branca na cidade de Cururupu/MA, onde foram encontrados em flagrante delito Marcio Pinheiro Pestana (29), Diana Lucia Pinheiro Pestana (47), Alessandro Barros de Arruda (36)  e Aldino Moreira Silva (31).
Encontrado em posse dos acusados cerca de 75 (setenta e cinco) papelotes de substância sólida semelhante a Crack, 01 (uma) substância sólida de tamanho médio semelhante a Crack, 01 (uma) porção média de substância vegetal semelhante a maconha, 01 (uma) balança de precisão, 02 (duas) munições deflagradas, cerca de R$ 500,00 (quinhentos reais) divididos em moedas e cédulas, entre outros vários objetos.

Todos foram encaminhados a UPR Cururupu onde ficarão à disposição da justiça.

Carla Andrade – ASCOM/SSP


Os dois vídeos que você vai ver aqui mostram um homem acusado de estupro sendo espancado até a morte por traficantes de uma favela em Salvador (BA), segundo o leitor que enviou as imagens.

 

De acordo com o leitor, o homem teria estuprado uma menina que mora na favela e, por isso, foi sentenciado à morte por traficantes que dominam a área.

 

Durante o espancamento, ele grita, chora, pede “pelo amor de Deus” para pararem. Tudo em vão.

 

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES!

 

 


O homem abaixo foi flagrado “roubando no morro”, segundo seus algozes.

Não é possível saber, por meio do vídeo, onde ocorreu o fato.

O homem abaixo foi flagrado “roubando no morro”, segundo seus algozes.

O leitor que enviou as imagens também não tinha essa informação.

Segundo ele, o vídeo lhe foi enviado por um amigo que mora em Fortaleza.

 

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES!