Incutindo em ações contra a criminalidade, a Polícia Civil do Maranhão cumpriu nesta quarta-feira (30), 15 Mandados de Prisão contra indivíduos envolvidos com a criminalidade em Viana, São Luís, Matinha, Penalva e no estado do Mato grosso. Nestas ações foram presas dentre os suspeitos, 04 policiais militares, os quais estavam cometendo os crimes de homicídios, tráfico de drogas, armas e munições, exploração de jogos de azar, prevaricação, dentre outros, A Operação é resultante da primeira fase da Operação Cifra Negra.

As informações repassadas pelo Superintendente de Polícia Civil do Interior, o Delegado Guilherme Campelo, foram que as prisões aconteceram pela primeira fase da “Operação Cifra Negra”, na qual envolveu na participação de policiais civis e militares, os quais foram às ruas para dar cumprimento a mais de 30 Mandados de Busca e Apreensão e 24 Mandados de Prisões. O delegado relatou, que “Dentre os Mandados de Prisões, já foram cumpridas 15 prisões. Há 05 Mandados de Prisão contra policiais militares, sendo que destes, já foram cumpridas 04 prisões de militares, pois um deles se apresentou nesta sexta-feira (01) no Comando Geral, o militar identificado por Lindonjoson Raposo. Há ainda um militar foragido. Há a participação também de Guardas Municipais na ação criminosa.

A operação tem a finalidade na investigação de associação criminosa, onde o grupo é envolvido em diversos homicídios, tráfico de drogas e posse/porte ilegal de arma de fogo. Registra-se o apoio operacional da polícia militar em todos os momentos da operação”. Ponderou o superintendente da SPCI.

O Delegado Geral da Polícia Civil do Maranhão, Leonardo do Nascimento Diniz, relatou, que foram cumpridos os Mandados de Prisão nas cidades de São Luís, Matinha, Penalva, Viana e no estado do Mato Grosso. A operação foi coordenada pela delegada de Polícia Civil, Nilmar da Gama Rocha. A Força Tarefa “Cifra Negra” tem a motivação de trabalho por conta dos elevados índices de criminalidade na cidade de Viana/MA, bem como por toda a região denominada “Baixada Maranhense”, sobretudo crimes contra a vida.

O Delegado repassou, que os integrantes do grupo agem metodologicamente fundados na violência e intimidação, e possuem relações com o Poder Público, o que lhes garantiam burlar a apuração dos crimes. Após os trabalhos da Força Tarefa “Cifra Negra” iniciados em fevereiro do corrente ano, desde então vem sendo investigado os crimes de homicídios. As investigações buscaram averiguar, a real dimensão dos fatos, a fim de se coletar maiores provas acerca da autoria, instrumentos utilizados, modus operandi, envolvidos, rota, desde quando se dava a atividade do grupo, precisão geográfica, bem como a distribuição de tarefas no grupo, dentre outros elementos, sendo que foi possível identificar, ainda, as seguintes atividades ilícitas: homicídios, tráfico de drogas, armas e munições, exploração de jogos de azar, prevaricação, dentre outros.Após quase seis meses de investigação, a força tarefa conseguiu identificar os membros mais atuantes, de acordo com as investigações, compõem o Grupo Criminoso que age na cidade de Viana e regiões vizinhas, como Viana, Penalva, Matinha, São Luís, dentre outras, cujas qualificações e individualizações.

Os envolvidos presos foram identificado por:

FRANCIOMAR COSTA TRAVASSOS
GILMAR VEIGA MORAES
AMARILDO MACHADO CUTRIM
FABINHO
ALAN
LUÍS DE JESUS PINTO DOS PASSOS
VALBER SANTOS (PM)
CLEOMAR MARTINS DO NASCIMENTO, (PM)
JANILSON SANTOS CORRÊA (PM)
Lindonjoson Raposo (PM)
FRANCISCO ALVES DA SILVA
JARDSON SOUSA JANSEN
JOSE NELSON PINTO PEREIRA
GILBERLAN PAIVA
HELTON MELONIO PEREIRA

Os demais criminosos ainda estão sendo procurados pela polícia.

SSP-Ascom


Uma mulher foi morta a tiros no início da tarde desta terça-feira (22), em Pinhão, na região central do Paraná. A vítima, Franciely Aparecida Tavares, 33 anos, era professora da rede municipal de ensino, de acordo com os bombeiros.

O ex-marido da vítima, de 48 anos, é o principal suspeito do crime, segundo a Polícia Militar (PM). Ele se entregou à polícia no distrito de Guará, em Guarapuava, também na região central, conforme a polícia.

O homem disse que atirou duas vezes contra a ex-mulher e fugiu por uma estrada rural, segundo a PM. O suspeito entregou uma arma de fogo aos policiais.

Uma câmera de segurança registrou o momento em que o suspeito corre atrás da vítima com uma arma na mão. A Polícia Civil não soube informar se o homem atirou no momento registrado pela câmera.

Crime aconteceu no bairro São Cristóvão — Foto: Valdinei Ferraz/Blog de Pinhão

Crime aconteceu no bairro São Cristóvão

A PM informou que o crime aconteceu pouco depois do meio-dia, no bairro São Cristóvão. Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima estava em um carro, voltando do trabalho para casa.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Guarapuava.

A Escola Municipal Frei Francisco, onde a professora trabalhava, informou que as aulas estão suspensas até quinta-feira (24).

A Polícia Civil investiga o caso.

Por G1 PR e RPC Guarapuava


O homem não resistiu aos graves ferimentos e morreu no local

Um homem foi assassinado com várias facadas na noite do último domingo, 6, com várias facadas e o acusado da autoria do crime é um travesti cujo nome a polícia ainda não divulgou.

O homicídio aconteceu na Rua Dr. Edvaldo, bairro do Zumbi dos Palmares 2, Zona Leste de Manaus por volta das 22h, segundo algumas pessoas que estavam no local do crime.

A suspeita é que a vítima tenha reagido a um assalto praticado pelo travesti e um comparsa que apareceram no local em uma motocicleta de cor vermelha.

Policiais da Delegacia de Homicídios e equipe do IML no local do assassinato 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas a equipe que esteve no local constatou que o homem já estava morto com facadas no peito e abdome.Um dos moradores da Rua Dr. Edvaldo chegou a dizer para os policiais militares que também estavam no local do assassinato que aquele local é palco de constantes assaltos a populares.

O corpo foi removido pela equipe do Instituto Médico Legal (IML) e até a manhã de hoje a vítima do suposto latrocínio (roubo seguido de morte) continuava sem nenhuma identificação.

ATENÇÃO! IMAGEM FORTE! 


Filha agride mãe idosa em Natal

Uma mulher de 58 anos foi presa na última quinta-feira (19) suspeita de agredir e manter em cárcere privado a própria mãe, uma idosa de 76 anos, no bairro de Cidade Nova, em Natal.

A prisão aconteceu na casa da vítima e da suspeita. A filha tinha uma mandado de prisão preventiva decretado, que fui cumprido pela Depi (Delegacia Especializada de Proteção ao Idoso).

Nas imagens, obtidas pela reportagem da Record TV, um vizinho grava o momento que a filha pega bruscamente as mãos da mãe, que demonstra estar debilitada pela idade, e obriga a idosa varrar o quintal.

Mulher é presa por agredir a própria mãe, de 76 anos. VEJA VÍDEO

Quando a idosa apresenta falta de força para fazer a limpeza, a filha a agride com um golpe com um cabo de madeira na cabeça. Na segunda pancada, a mãe leva a mão na boca e começa e reclamar de dor. Em seguida, chora.

A filha não deu muita importância para a dor e reclamação da mãe e empurra algumas vezes segurando a pelos braços.

A idosa também demonstra dificuldade para andar, mesmo assim é empurrada pela filha. Quando a idosa tenta se apoiar, a filha manda ela “soltar a cadeira”.

O caso deve seguir em investigação na Delegacia Especializada de Proteção ao Idoso e a suspeita presa preventivamente.

VEJA VÍDEO

R7


O acusado teve o mandado de prisão preventiva cumprido pelos policiais da Depca

Um padrasto acusado de estuprar a enteada desde os 5 anos de idade teve o mandado de prisão preventiva cumprido na tarde da última quinta-feira, 19, por policiais da Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca).

O homem foi apresentado à imprensa durante uma entrevista coletiva realizada na manhã desta sexta-feira e, de acordo com a delegada titular, Joyce Coelho, a vítima agora está com 16 anos de idade.

Ainda segundo a delegada, a própria mãe da vítima era conivente com o crime do seu companheiro e vivia fazendo pressão psicológica para que a filha negasse qualquer acusação de estupro contra seu padrasto.

Mas a adolescente sustenta a acusação de que vinha sofrendo os abusos sexuais há mais dez anos e que todos os estupros aconteceram dentro da casa de sua mãe, situada no bairro de Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus.

Acusado já é detento do regime semiaberto e agora vai responder na|Justiça estadual por mais um crime

No seu depoimento, a menor chegou a declarar que sua mãe não apenas sabia que seu companheiro a estuprava como também chegou a pedir em várias oportunidades que a filha perdoasse e não denunciasse o mal que o padrasto fez a ela.

A delegada Joyce Coelho afirmou que não resta a menor dúvida de que a mãe da adolescente foi conivente com os abusos sexuais praticados por seu companheiro, motivo pelo qual ela também foi indiciada criminalmente.

A investigação durou cerca de seis meses e foi iniciada a partir do momento em que a vítima foi apresentada na Deapca por outros membros da família e várias pessoas foram ouvidas no inquérito instaurado na Depca.

O padrasto acusado já é detento do regime semiaberto do Sistema Penitenciário Estadual e agora vai responder por crime de estupro de vulnerável.

O padrasto estuiprador foi apresentado à imprensa em uma entrevista coletiva na Depca (Fotos: Divulgação) PORTAL DO ZACARIAS


Secretário de Saúde-FRED LOBATO

Após atender mais de mil mulheres na sede de Pinheiro através da parceria entre o Serviço Social do Comércio – Sesc e a Prefeitura de Pinheiro, a Carreta da Saúde Sesc Mulher se deslocou e começou a funcionar na região do Bom Viver, zona rural do município, nesta terça-feira (17).
A unidade móvel de saúde é direcionada aos cuidados com a mulher e realiza exames para prevenção do câncer de mama e do colo do útero.
A mamografia e o exame citopatológico (preventivo) são realizados de segunda a sexta-feira atendendo 30 mulheres por dia. Além dos exames são realizadas ações educativas para a promoção da saúde como palestras, orientação do uso de preservativos e conscientização da importância de realizar os exames preventivos com frequência.

Só na sede de Pinheiro foram realizados 1.013 exames citopatológicos, 1.026 mamografias e 1.458 atividades de educação em saúde; cerca de 3.500 atendimentos executados em pouco menos de 2 meses.
Uma calorosa recepção foi organizada para o início das atividades da carreta na região. Estiveram apresentando o projeto a comunidade e recepcionando as mulheres da região o secretário municipal de saúde Fred Lobato, a secretária adjunta municipal de saúde Danielly Moraes, a gerente regional do Sesc Rutneia Monteiro, o conselheiro do Sesc Willian Vieira e diversos profissionais da saúde.
A carreta, que está fixada na praça do Bom Viver, realizará os atendimento até o dia 4 de outubro. As mulheres interessadas podem procurar uma unidade básica mais próxima levando cópias e originais do RG, CPF, Cartão do SUS e comprovante de residência e agendar os exames. Para realização da mamografia é necessário encaminhamento do médico. Mais informações podem ser obtidas na própria UBS ou na Carreta Sesc.


O aposentado foi conduzido à Delegacia de Polícia e autuado em flagrante por estupro de vulnerável

O aposentado Antônio José Almeida da Silva, 64, foi preso em flagrante delito depois de estuprar uma menina com 12 anos de idade, no município de Humaitá, distante 697 quilômetros de Manaus em linha reta.

A vítima foi encontrada embaixo de uma cama quando a polícia chegou ao local para averiguar uma denúncia anônima acompanhada de uma representante do Conselho Tutelar.

O crime foi praticado no último sábado, 14, na casa do aposentado e ao ser interrogada, a menina confirmou que tinha acabado de manter relações sexuais com Antônio José.

Os policiais fizeram uma revista geral no quarto do aposentado e encontraram preservativos usados e outros indícios de que ele realmente estuprou a menor de idade.

A mãe foi buscar a filha na delegacia depois de ser informada acerca do estupro (Foto: Divulgação) 

De acordo com a representante do Conselho Tutelar, que preferiu não divulgar seu nome para a imprensa, foi recebida uma denúncia anônima informando que Antônio José estava com uma garota em sua casa.

 A conselheira solicitou apoio dos policiais militares e quando bateram na porta da casa do aposentado, ele chegou a afirmar que estava sozinho, mas foi realizada a revista e a garota foi encontrada embaixo da cama.

Diante dos fatos o aposentado foi conduzido à Delegacia Interativa de Polícia do município de Humaitá e vai responder por crime de estupro de vulnerável.


Este é o Ney

Ele é um cãozinho da raça pinscher e chama Ney. Na quinta-feira da semana, dia 5, ele e uma fêmea da mesmaraça saíram para passear com o cuidador pela Estrada da Ponta Negra, e quando voltavam para casa, o Ney foi atacado por um cão de porte grande que saiu para fora de uma residência após um funcionário abrir o portão para um carro entrar. O cão que atacou o Ney pertence ao empresário Murilo Rayol, que estava dormindo no momento em que houve o ataque. 

Apavorada, a fêmea, que atende pelo nome de Nana, cruzou a Estrada da Ponta Negra e o cuidador, igualmente apavorado, correu atrás dela enquanto o Ney era atacado pelo cão de Murilo Rayol. 

Após o cuidador alcançá-la, ele correu para casa para avisar que o Ney havia sido atacado. O Zacarias então foi com ele até o local. Chegando lá, não encontraram mais o Ney, que, segundo um flanelinha, havia sido levado num carro de cor prata. Na calçada, mancha de sangue do Ney. 

Imediatamente, o Zacarias percorreu as clínicas veterinárias localizadas na Estrada da Ponta Negra e na Avenida Brasil, no bairro da Compensa. Sem sucesso. 

Desde então, a família não parou de procurar o Ney. E só vai parar até encontrá-lo. 

Se você der alguma informação que leve até o Ney, receberá, em espécie, 30 mil reais.

ESTE É O NEY:

VEJA O BANNER SOBRE O DESAPARECIMENTO DO NEY:


Tiago Vitor-Vitima fatal de afogamento

Um soldado militar morreu afogado na tarde deste domingo (28), ao tentar atravessar a Lagoa da Andorinha, localizada dentro do Parque Nacional dos Lençóis Maranhense.
Soldado do exército morre afogado no parque nacional dos lençóis maranhense
O jovem identificado como Tiago Victor da Silva Pereira, 25 anos, foi socorrido e levado ao hospital, mas já chegou sem vida.
Tiago era morador da Vila Cafeteira em São Luís. O corpo será encaminhado para o IML de São Luís.

Soldado do exército morre afogado no parque nacional dos lençóis maranhense


Imagem terrorista

Um grupo terrorista que já praticou, no mínimo, três atentados em Brasília, tem o presidente Jair Bolsonaro como seu próximo alvo. A Sociedade Secreta Silvestre (SSS) é caçada pela Polícia Federal, há seis meses e se apresenta como a vertente brasileira do grupo Individualistas que Tendem ao Selvagem (ITS), organização responsável por cometer diversos ataques a políticos e empresários ao redor do mundo.

Detalhes e uma entrevista com o líder da SSS, foram divulgados pela revista Veja, nesta sexta-feira (19).

Os diálogos foram feitos com o líder do grupo, autointitulado como Anhagá, através da deep web, que é considerada a “camada da internet” que não pode ser acessada através de meios tradicionais de busca.

Anhagá diz ter entre 20 e 30 anos, ser do sexo masculino e revela ser um defensor da natureza. Seu nome fictício quer dizer “espírito que protege os animais, em tupi-guarani”. De acordo com ele, a motivação para o ataque é porque “Bolsonaro e sua administração, tem declarado guerra ao meio ambiente.”

A Polícia Federal revela em inquérito, que o grupo continua cometendo ataques extremamente graves e mostrando “profusão de ideias violentas e extremistas, além de divulgar ameaças contra a vida do Bolsonaro”.

Anhagá revela que o plano deveria ter sido executado no dia da posse presidencial, no dia 1º de janeiro, mas a ação foi adiada pelo forte esquema de segurança. “Vistoriamos a área antes. Mas ainda estava imprevisível. Não tínhamos certeza de como funcionaria”, diz o terrorista. Na ação, seriam usadas bombas e armas, e teria como alvos, Bolsonaro e sua família.

Outros alvos de atentado, são o ministro do meio ambiente Ricardo Salles e a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves. “Salles é um cínico, e não descansará em paz, quando menos esperar, mesmo que saia do ministério que ocupa, a vez dele chegará. Damares se tornou a cristã branca evangelizadora, que prega o progresso e condena toda a ancestralidade”, comentou o terrorista Anhanguá, à revista Veja.