Grupo politico do Prefeito Anderson Wilker

Reconhecer os avanços da atual gestão municipal faz parte da visão do desenvolvimento de quem busca agregar ideias no projeto de reeleição do prefeito de Alcântara Anderson Wilker.
Pensando assim, o Partido dos Trabalhadores (PT) de Alcântara, presidido pelo vereador João Ricardo, aderiu ao grupo político do prefeito Anderson Wilker.
“Queremos pessoas que venham para somar com a gente. O PT de Alcântara é um partido que tem militantes importantes e chega para fortalecer ainda mais nosso grupo político. Nosso projeto de reeleição está cada vez mais forte, as adesões são constantes, isso mostra o reconhecimento dos avanços durante nossa gestão em todos os seguimentos. O desenvolvimento está apenas começando”, disse o prefeito Anderson Wilker.
Com mais essa adesão, o prefeito Anderson Wilker mostra habilidade e poder de agregação, levando para seu grupo político um partido com militantes que pensam também no desenvolvimento de Alcântara.
Para o vereador e presidente do PT de Alcântara, João Ricardo, a adesão ao projeto de reeleição do prefeito Anderson Wilker é uma soma de fatores. “É uma soma de fatores positivos em prol do projeto nacional, unindo todos os partidos de esquerda. O PT já esta há muito tempo aliado na esfera estadual com o governador Flávio Dino. Nós aqui em Alcântara somos muito claro e consciente da importância de se somar, e consolidar o projeto de reeleição do prefeito Anderson Wilker” destacou João Ricardo.
É válido lembrar que o PT do Maranhão deve uma gentileza ao governador Flávio Dino, o único governador de esquerda no Brasil que defendeu Lula e Dilma quando o PT mais precisava de aliados.


Prefeitura de São Bento

VISÃO POLITICA: 

A turma  da oposição ” olho gordo da política porca” , amigos do retrocesso de São Bento-Ma, não consegue aceitar  ainda o resultado das urnas das eleições de 2016.  Sabe-se que a agenda do retrocesso foi derrotada, mas a oposição rancorosa e inconformada continua nas redes sociais e até o presente, em sua escalada intencionista do charlatanismo e invenções de matérias divulgadas  que não condiz com a realidade da história politico administrativa explicita pela maioria população São-bentoense , visto do  inconformismo da oposição que permanece contra os quase 50%  dos 21.214 (95,63%) dos votos validos dos eleitores que votaram em LUIZINHO BARROS, principalmente a maioria mais humilde, que soube reconhecer em suas duas gestões, administração transformadora, transparente e futurista, que acordou de um  sono profundo juntamente com os administradores considerados hoje, oposicionista da sua gestão.

No momento em que todos deveriam celebrar uma democracia de respeito à soberania popular, a oposição continua com o anunciado enfrentamento permanente, uma guerra sem trégua, que (Eles…  os[DERROTADOS} DE PROJETOS POLÍTICOS RENEGADOS PELA MAIORIA DA POPULAÇÃO  São-bentoense , tentam deslegitimar  um trabalho proficiente  que todo governante  de caráter politico ilibado tem quando de um  novo mandato, no caso o mandato de governo de Luizinho Barros a frente da prefeitura de São Bento.

Para ser sincero ,a maioria dos eleitores que renegou o projeto politico dos grupos de oposição em São Bento, é fruto das  preconceituosas atitudes da dita cuja,  que ainda borrifam  o ódio no ar  com pregações cheias de mentiras, preconceitos propagadas na internet e no espaço público por fundamentalistas que defendem más atitudes de intransigências e rigidez na obediência a determinados princípios ou regras impostas por eles (oposicionistas) que não condizem com a vontade popular do povo da nossa terra São Bento , que não aceita o projeto de poder traçado por *eles, o grupo ” *olho gordo da política porca” .

Lamentavelmente temos na politica de São Bento,  uma minoria de vereadores e pre-candidatos à prefeitura de oposição que se comportam como verdadeiros “abutres” e que são incapazes de enxergar os avanços que a nossa São Bento sempre  alcançou graças ao esforço e ao trabalho determinado das gestões de Luizinho Barros e de  pessoas que só querem o bem para a nossa terra, que hoje celebram as centenas de empregos gerados durante os três mandatos do atual prefeito.

Entendemos sim… os vereadores da oposição e os pretensos candidatos a prefeitura que tem seus estilos próprios em criar motivos para tentar deturpar a imagem do nosso atual administrador, com picuinhas e atuações indignas de quem deveria ter um pouco mais de sensibilidade e vergonha dos seus procedimentos,  por serem ocupantes de posto de representante do povo, mesmo sabendo que a população não aceita  a pequenez dos vereadores de oposição, como também a mesquinhez ao nosso município, porque quem se comporta da maneira como estes senhores, que estão agindo e torcendo contra o progresso e a geração de trabalho e empregos para a nossa gente.

Contudo e por tudo que Luizinho Barros fez pelo seu povo, convém afirmar sem sombras de duvidas que, a eleição de 2016 legitimou também as agendas para a continuidade das mudanças que atualmente modernizam São Bento e,  com o povo decidindo conceder mais um mandato para o prefeito concretizar a partir de janeiro de 2020.

Incompreensível seria de nossa parte não dizer e alertar a população São-bentense  que a oposição ainda continua tentando criar um ambiente de confrontação e desestabilização  pelos candidatos derrotados nos pleitos anteriores por Luizinho Barros. 

A confrontação verbal violenta e permanente contra a atual administração ou ao prefeito atual é uma escolha no mínimo estranha, para não dizer perigosa. Esse caminho traçado pelos oposicionistas de plantão, pode desencadear uma espiral imponderável de enfrentamento e até de violência e  depredação de bens públicos como forma de aterrorizar a população e detonar a vingança do inconformismo pelo derrota patenteada imposta pelo eleitor às soberbas intransigência autoritárias e as  manobras recorrentes das inconvenientes atitudes sobremaneira de como fazem politica. A soberania popular deve ser respeitada. Não será com intransigência autoritária e com manobras sujas que os senhores vão inviabilizar a continuidade do trabalho da gestão Luizinho Barros.

Antes do meu mais nada:… Senhores da oposição derrotada, pare agora com as perseguições, pois elas não atingem diretamente o prefeito Luizinho, mas a maioria que foi às urnas nos anos anteriores e que,  num futuro bem próximo (2020) uma vitória popular avassaladora e irreversível consagrará um marco histórico na vida desse homem de maior caráter politico que São Bento já teve. 

O que vos resta senhores oposicionistas: É saber respeitar a vontade de um povo que voltou a experimentar o sabor do progresso nestes mais 3 anos da gestão que virá com o TETRA em 2020.  A CAUSA: Uma oposição, preconceituosa, raivosa, mesquinha perseguidora e inconformada com a rejeição popular.

falei…..

www.jgmoreira.com.br/jornalista -Registro 0001693-TRT-MA.


Prefeitura de São Bento

VISÃO POLITICA: 

A turma  da oposição ” olho gordo da política porca” , amigos do retrocesso de São Bento-Ma, não consegue aceitar  ainda o resultado das urnas das eleições de 2016.  Sabe-se que a agenda do retrocesso foi derrotada, mas a oposição rancorosa e inconformada continua nas redes sociais e até o presente, em sua escalada intencionista do charlatanismo e invenções de matérias divulgadas  que não condiz com a realidade da história politico administrativa explicita pela maioria população São-bentoense , visto do  inconformismo da oposição que permanece contra os quase 50%  dos 21.214 (95,63%) dos votos validos dos eleitores que votaram em LUIZINHO BARROS, principalmente a maioria mais humilde, que soube reconhecer em suas duas gestões, administração transformadora, transparente e futurista, que acordou de um  sono profundo juntamente com os administradores considerados hoje, oposicionista da sua gestão.

No momento em que todos deveriam celebrar uma democracia de respeito à soberania popular, a oposição continua com o anunciado enfrentamento permanente, uma guerra sem trégua, que (Eles…  os[DERROTADOS} DE PROJETOS POLÍTICOS RENEGADOS PELA MAIORIA DA POPULAÇÃO  São-bentoense , tentam deslegitimar  um trabalho proficiente  que todo governante  de caráter politico ilibado tem quando de um  novo mandato, no caso o mandato de governo de Luizinho Barros a frente da prefeitura de São Bento.

Para ser sincero ,a maioria dos eleitores que renegou o projeto politico dos grupos de oposição em São Bento, é fruto das  preconceituosas atitudes da dita cuja,  que ainda borrifam  o ódio no ar  com pregações cheias de mentiras, preconceitos propagadas na internet e no espaço público por fundamentalistas que defendem más atitudes de intransigências e rigidez na obediência a determinados princípios ou regras impostas por eles (oposicionistas) que não condizem com a vontade popular do povo da nossa terra São Bento , que não aceita o projeto de poder traçado por *eles, o grupo ” *olho gordo da política porca” .

Lamentavelmente temos na politica de São Bento,  uma minoria de vereadores e pre-candidatos à prefeitura de oposição que se comportam como verdadeiros “abutres” e que são incapazes de enxergar os avanços que a nossa São Bento sempre  alcançou graças ao esforço e ao trabalho determinado das gestões de Luizinho Barros e de  pessoas que só querem o bem para a nossa terra, que hoje celebram as centenas de empregos gerados durante os três mandatos do atual prefeito.

Entendemos sim… os vereadores da oposição e os pretensos candidatos a prefeitura que tem seus estilos próprios em criar motivos para tentar deturpar a imagem do nosso atual administrador, com picuinhas e atuações indignas de quem deveria ter um pouco mais de sensibilidade e vergonha dos seus procedimentos,  por serem ocupantes de posto de representante do povo, mesmo sabendo que a população não aceita  a pequenez dos vereadores de oposição, como também a mesquinhez ao nosso município, porque quem se comporta da maneira como estes senhores, que estão agindo e torcendo contra o progresso e a geração de trabalho e empregos para a nossa gente.

Contudo e por tudo que Luizinho Barros fez pelo seu povo, convém afirmar sem sombras de duvidas que, a eleição de 2016 legitimou também as agendas para a continuidade das mudanças que atualmente modernizam São Bento e,  com o povo decidindo conceder mais um mandato para o prefeito concretizar a partir de janeiro de 2020.

Incompreensível seria de nossa parte não dizer e alertar a população São-bentense  que a oposição ainda continua tentando criar um ambiente de confrontação e desestabilização  pelos candidatos derrotados nos pleitos anteriores por Luizinho Barros. 

A confrontação verbal violenta e permanente contra a atual administração ou ao prefeito atual é uma escolha no mínimo estranha, para não dizer perigosa. Esse caminho traçado pelos oposicionistas de plantão, pode desencadear uma espiral imponderável de enfrentamento e até de violência e  depredação de bens públicos como forma de aterrorizar a população e detonar a vingança do inconformismo pelo derrota patenteada imposta pelo eleitor às soberbas intransigência autoritárias e as  manobras recorrentes das inconvenientes atitudes sobremaneira de como fazem politica. A soberania popular deve ser respeitada. Não será com intransigência autoritária e com manobras sujas que os senhores vão inviabilizar a continuidade do trabalho da gestão Luizinho Barros.

Antes do meu mais nada:… Senhores da oposição derrotada, pare agora com as perseguições, pois elas não atingem diretamente o prefeito Luizinho, mas a maioria que foi às urnas nos anos anteriores e que,  num futuro bem próximo (2020) uma vitória popular avassaladora e irreversível consagrará um marco histórico na vida desse homem de maior caráter politico que São Bento já teve. 

O que vos resta senhores oposicionistas: É saber respeitar a vontade de um povo que voltou a experimentar o sabor do progresso nestes mais 3 anos da gestão que virá com o TETRA em 2020.  A CAUSA: Uma oposição, preconceituosa, raivosa, mesquinha perseguidora e inconformada com a rejeição popular.

falei…..
www.jgmoreira.com.br/jornalista -Registro 0001693-TRT-MA.


Lelé Arouche confirmou sua pré-candidatura em São Vicente

O jovem administrador Lelé Arouche já fechou a data para confirmar sua pré-candidatura a prefeito de São Vicente Ferrer. Será no dia 25 de janeiro do próximo ano, em local ainda ser divulgado.

A data foi fechada na semana passada, durante encontro que teve com a presença do ex-deputado Junior Marreca e do atual prefeito de Olinda Nova do Maranhão, Costinha. A reunião também contou com a presença do ex-prefeito Vicente Arouche.

Além de deputados, prefeitos da região e lideranças políticas de São Vicente Ferrer, o evento também contará com a presença do senador Weverton Rocha, atual presidente do PDT no Maranhão.

Em conversa com o Blog do Jailson Mendes, ele aproveitou para desde já convidar todos os vicentinos para este dia. Ex-vice-prefeito da cidade, Lelé polariza as eleições com Adriano Freitas e ganhou a última enquete feito pelo Blog do Jailson Mendes para prefeito.

Com informações: Blog


Vistoria / Pro- estradas

O projeto lançando em 2019 pelo prefeito Luciano visa recuperar e estruturar 300 quilômetros de estradas vicinais no município de Pinheiro.

O trabalho acontece em várias frentes; nesta sexta-feira (13) o prefeito Luciano esteve pessoalmente acompanhando o projeto na região do Gama que envolve os povoados de Santa Sofia, Santa Vitória, Ave Maria e vizinhança.

A piçarra aplicada nas estradas é extraída das regiões que serão beneficiadas como forma de incentivar a mão de obra local; os trabalhadores que executam o trabalho são locais, promovendo distribuição de emprego e renda.

Ao mesmo tempo que acontece o projeto Pro-Estrada Vicinais acontece também o projeto Pro-Asfalto na sede do município. São 300 quilômetros de estradas vicinais e 50 quilômetros de asfalto; o prefeito Luciano está adaptando sua agenda para acompanhar todas a obras pessoalmente.

PRO-ESTRADA VICINAIS ACONTECE NA REGIÃO DO GAMA
“Estamos hoje executando e fiscalizando as obras na região do Gama, já estamos concluindo a espinha dorsal dessa região. O mais importante é passar para a população que não tem dia nem hora para o trabalho acontecer, o trabalho não para. Pegamos um inverno rigoroso e agora vamos compensar após as chuvas. Até domingo estaremos concluindo essa estrada e, principalmente, estamos valorizando o trabalhador do campo”, disse o prefeito Luciano.

A deputada estadual Dra. Thaiza está acompanhando, junto ao prefeito Luciano, os projetos desenvolvidos pela prefeitura: “estou deputada estadual do estado do Maranhão por votação e por projeto de vida e estamos trabalhando e percorrendo todo o nosso estado; posso afirmar sem medo que Pinheiro se destaca em trabalho e nova política. Mesmo com todos os desafios enfrentados pelo prefeito Luciano, herança de uma bola de neve de descaso, ele está inovando e priorizando as necessidades do povo de Pinheiro. É gratificante fiscalizar esse trabalho de perto e ver o orgulho da população em saber que, hoje, Pinheiro tem um prefeito que trabalha para o povo”,declarou a deputada estadual Dra. Thaiza.

Deputada Drª Thaiza


Para estimular a agricultura familiar e o plantio de produtos orgânicos e convencionais  na zona rural de São Bento, que ainda conserva um terço de seu território como área rural,  onde existem centenas de produtores que se dedicam principalmente ao cultivo de frutas, legumes, verduras e outras  especieis alimentares que são consumidos pela população local e regional.

Visto com bons olhos pela administração municipal (Gestão Luizinho Barros) , as ações que envolvem o projeto de fortalecimento da agricultura no municipio conta com  assistência técnica e equipamentos doados pela Secretaria Municipal de Agricultura e Governo do Estado , (Veja o vide-o da reportagem) para que os agricultores possam desenvolver a contento e gratuitamente o seu trabalho que com certeza vai fortalecer a agricultura local, impedir o avanço da especulação de produtos importados e o avanço da especulação imobiliária nas terras natas de plantio, dando-nos assim a oportunidade futura para que possamos ter mais alimentos saudáveis na mesa da população São-bentoense.

Posted by Jgmoreira Moreira on Tuesday, May 15, 2018


 

A Prefeitura tem dez dias para revogar todas as contratações feitas com base no edital e se abster de realizar contratações temporárias que não estejam entre as exceções previstas na Constituição Federal, segundo o Ministério Público.

A Justiça determinou no último dia 25 de março a suspensão do processo seletivo para contratação de pessoal regido pelo edital n° 01/2018 da Prefeitura Municipal de Apicum-Açu. A Prefeitura tem dez dias para revogar todas as contratações feitas com base no edital e deve se abster de realizar contratações temporárias que não estejam entre as exceções previstas na Constituição Federal.

Em caso de descumprimento de qualquer dos itens da decisão, ficou estabelecida multa diária de R$ 1 mil, a ser paga pelo prefeito de Apicum-Açu e, subsidiariamente, pela Prefeitura.

Na liminar, o juiz Alistelman Mendes Dias Filho ressalta que “não há como se sustentar quaisquer argumentações que tais contratações teriam o caráter de excepcionalidade, imprevisibilidade ou contingencialidade, vez que não há nenhuma evidência de necessidade provisória que legitime a contratação de servidores temporários de forma a justificar a excepcionalidade frente a regra da Carta Magna”, afirmou.

A determinação foi provocada por uma Ação Civil Pública proposta pela Promotoria de Justiça de Bacuri. Segundo o Ministério Público, as contratações temporárias são uma prática comum em Apicum-Açu, o que já levou o MP a ingressar com ações nos anos de 2015, 2016 e 2017. Além de contratar para funções permanentes, o Município tem dois concursos públicos vigente, um de 2012 e outro de 2016.

Para o promotor de justiça Rodrigo Alves Cantanhede, “o processo seletivo visa tão somente dar aspecto de legalidade a contratações que, de fato, já foram realizadas sem qualquer processo seletivo”.

Ainda segundo o Ministério Público, chama a atenção a contratação de guardas municipais por meio desses seletivos. A lei n° 13.022/2014 trata do regime desses profissionais, permitindo à categoria o porte de armas, desde que os agentes sejam admitidos por concurso público e que comprovem requisitos de aptidão mental e psicológica.

Porém, de acordo como MP-MA, o Município vem realizando “a contratação temporária de guardas municipais sem a mínima preparação ou comprovação física, mental e psicológica, o que gera, em verdade, perigo à população”.

Além da ilegalidade das contratações, haveria outros problemas no edital n° 01/2018, como a existência de prazos muito curtos, que impedem uma ampla participação de candidatos e a seleção de profissionais com melhor aptidão técnica.


A Prefeitura de Pinheiro antecipou nesta quarta-feira (18) o pagamento dos salários dos servidores da saúde.

De acordo com o calendário criado pela atual gestão para evitar atrasos nos pagamentos dos servidores, os vencimentos da saúde estão programados para o dia 20 de cada mês, mas com as contas e a administração pública municipal toda organizada, é possível fazer esse adiantamento.

O adiantamento de salário dos servidores é mais um alívio para o comércio local, que geralmente, aguarda o fim do mês para aquecer as vendas, pois é quando estado e município efetivam os pagamentos dos servidores; com o calendário da administração e o projeto inovador e pioneiro do Cartão do Servidor, a Prefeitura de Pinheiro está fazendo girar a economia o mês inteiro.

“Aprendemos muito com a crise que enfrentamos e estamos trabalhando muito para que ela não se repita; temos um calendário organizado, uma gestão responsável e assim vamos continuar durante nosso mandato.” Prefeito de Pinheiro, João Luciano.


Dando Continuidade ao belíssimo Projeto “Peixe na Mesa”  prefeitura municipal de Pinheiro em parceria com a Secretaria de e Assistência Social, Segurança Alimentar e Nutricional, vai realizar nos dias 27,28,29 deste mês, mas uma etapa contemplando todas as regiões da nossa cidade.

“Essa realização é uma iniciativa importante para o município, pois busca atender as pessoas carentes e que precisam, ainda mais que é uma tradição de muitos em não comer carne na semana santa é uma maneira de proporcionar a essas pessoas uma alimentação digna” nos falou o prefeito.

O prefeito João  Luciano trabalhou para garantir pescado de qualidade. O Programa vai atender no dia 27 terça-feira  a Região de Pacas e Paraíso, já no dia 28 quarta-feira região da Chapada e Gama e por fim dia 29 quinta-feira a distribuição será em vários bairros da cidade, para assim, atender o maior número de pessoas que necessitam

Esse é mais um compromisso que está sendo cumprido pelo prefeito de Pinheiro, onde o mesmo está mostrando sua preocupação para com a população, buscando de todas as formas, maneiras de trazer benefícios para o povo de sua cidade.

Com informações: Gustavo Lopes


São Bento poderá ser a primeira cidade do interior do Maranhão a substituir a iluminação pública convencional, com lâmpadas fluorescentes, por lâmpadas em LED.

O Prefeito Luizinho Barros visitou nesta sexta-feira, 23, uma empresa especializada no setor, com o objetivo de discutir a implantação de sistema de iluminação pública de LED. O projeto, ainda aproveitando a própria estrutura do sistema de iluminação pública, poderá contemplar o serviço de internet Wi-Fi, a custo zero para a população, com sinal a ser disponibilizado em praças públicas da cidade. Para o prefeito, essa medida é uma forma de facilitar o acesso à internet na cidade.

Uma amostra de Led já está instalado em um trecho da MA-014, próximo ao portal da cidade. A meta segundo o prefeito, é aplicar o novo modelo de iluminação em toda São Bento, inclusive na zona rural.
 

A reestruturação do sistema de iluminação será feita por meio de PPP (Parceria Público-Privada), cujo projeto já foi apresentado para secretários e vereadores. Atualmente, São Bento tem aproximadamente 5.000 pontos de iluminação em vias públicas, incluindo zona rural. A meta do prefeito Luizinho Barros é trocar todas as lâmpadas da cidade pela tecnologia LED.

Iluminação em LED é mais econômico, mais durável, melhora a qualidade de vida, é mais eficiente e por ser luz fria (não possui radiação infravermelha e violeta) não atrai insetos. “O objetivo é melhorar o serviço de iluminação pública, economizar 50% de energia elétrica e trazer mais segurança para nossa cidade”, concluiu o prefeito.
 ASCOM-Prefeitura Municipal de São Bento